Menu
quinta, 21 de janeiro de 2021
Andorinha Janeiro/Fevereiro
Andorinha Janeiro/Fevereiro Mobile
Geral

Comissão dos refugiados haitianos vê situação periclitante em MS

17 julho 2018 - 14h23OAB/MS

Em visita a Corumbá nos dias 13 e 14 de julho, os membros da Comissão Provisória de Acompanhamento dos Refugiados Haitianos da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS) encontraram os refugiados em situação periclitante. Na manhã desta terça-feira (17), o Presidente da Comissão, Elton Luís Nasser, o Vice-Presidente Heraldo Garcia Vitta, e o Secretário-Geral Luiz Jivago Carriel se reuniram com o Presidente da Ordem, Mansour Elias Karmouche e apresentaram um relatório da visita.

De acordo com o relatório elaborado pela comissão a situação dos haitianos em Corumbá é gravíssima e mesmo com a solidariedade da comunidade corumbaense foi verificado a necessidade de ações conjuntas e emergenciais do Poder Público. Cerca de 1300 haitianos já entra no Brasil pelo munícipio e esse número tema aumentado todos os dias, pois não param de chegar.

“A quantidade expressiva de haitianos, aliada a uma situação para qual a cidade de Corumbá apresenta, haja vista que repentinamente houve o ingresso numeroso dos haitianos no município, exige a atuação conjunta do Governo Federal, Estadual e Municipal e também a mobilização do próprio Congresso Nacional”, diz um trecho do relatório.

O Presidente da Comissão, Elton Luís Nasser explica que a falta de estrutura do município para atender os haitianos tem gerado preocupação em relação a saúde deles e dos moradores de Corumbá.

“A preocupação é em relação a questão do atendimento público aos haitianos. Na rodoviária de Corumbá, por exemplo, eles passam o dia, vários passam a noite e no local existe apenas um banheiro. Nossa preocupação ainda é uma questão de saúde, alguma epidemia que possa gerar uma situação de risco para todos”, disse.

O relatório elaborado será encaminhado para autoridades públicas constituídas de modo que seja dado conhecimento da alarmante situação existente em Corumbá e que sejam adotadas as providências necessárias.

“O relatório será colocado em pauta no Conselho Seccional da OAB/MS, será encaminhado ao Conselho Federal e as autoridades públicas. Esse assunto também será levado ao conhecimento do Ministro Raul Jungmann, que estará aqui em um evento. Queremos essencialmente trazer a informação da situação que está acontecendo em Corumbá ao Brasil” concluiu Elton.

O Presidente Mansour Karmouche elogiou o trabalho da Comissão ressaltando a importância que isso significa para a sociedade.

“Pessoas sem esperança e esquecidas pelo mundo hoje têm um sinal de que alguém está olhando por elas e preocupado com a sua sobrevivência”, disse.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Covid-19: Índia vai exportar doses de vacina para Brasil nesta sexta
POLICIAL
PMA autua em R$ 2 mil criminoso que cortou cachorro com facão para que parasse de latir
GERAL
Serviços de coleta de lixo doméstico; coleta seletiva e cata galhos têm cronograma de atendimento
Finanças
Governo do MS repassou R$ 3,3 bilhões aos 79 municípios em 2020
GERAL
Deixar animal solto na rua gera multa; recolhimento pode ser solicitado via telefone
GERAL
Termina amanhã prazo para confirmação de matrículas de alunos novos com deficiência
GERAL
Terminam amanhã inscrições para processo seletivo do Sebrae para PCD
Geral
Após fortes ventos árvore cai em frente a Cinco Bacia
GERAL
Bombeiros realizam extinção de incêndio por vazamento de gás no Popular Velha
OPORTUNIDADE
Senai de Corumbá está com vagas abertas para cinco cursos técnicos presenciais e EAD

Mais Lidas

FRAUDE ELEITORAL
Ministério Público quer impugnação de candidatos do PRB em Ladário
GERAL
Comando do 6º Distrito Naval abre inscrições para concurso de nível superior
GERAL
Confira a distribuição das doses de vacina contra a Covid-19 por município em Mato Grosso do Sul
GERAL
Batida de carro e moto deixa criança ferida no Popular Nova