Menu
sábado, 23 de janeiro de 2021
Andorinha Janeiro/Fevereiro
Andorinha Janeiro/Fevereiro Mobile
Geral

Com frio e neblina corumbaense evita sair de casa

22 agosto 2018 - 10h41Sylma Lima

As 8:30h da manhã desta quarta-feira,22 de Agosto, poucos corumbaenses se arriscaram a sair de  casa. Lojas abrindo as portas em meio à neblina que cessou dando lugar para garoa fina e intermitente. Desde o ultimo domingo,19, os corumbaenses estão enfrentando esta onda de frio, que só tem previsão para amenizar na próxima semana. Ainda assim, segundo meteorologistas, a temperatura deve se manter amena, com clima típico de inverno, como poucas vezes ocorreu nesta região conhecida pelo calor  intenso e sol o ano inteiro.

Desacostumados com o frio a população se intimida e acaba se recolhendo mais cedo. Poucos permanecem nas ruas após as 19h. Até mesmo bares e restaurantes tem sentido a diferença. Em 2017 teve não frio por estes lados da Fronteira Oeste Brasileira, divisa com a Bolívia que este ano já nevou várias vezes nas regiões  mais altas como Sucre e Solar do Uyuni.

Nesta terça-feira 21 de agosto completamos dois meses de inverno no Hemisfério Sul. A estação começou oficialmente em 21 de junho.

O inverno deste ano ainda não acabou, mas com o que se observa até agora, já se pode afirmar que a estação está sendo mais fria do que a temporada de 2017. As condições atípicas da primeira quinzena de agosto de 2018, com mais umidade do que normal e o frio persistente no centro-sul do país, não representam a média de toda a estação.

Agosto úmido e frio

Ainda, segundo meteorologistas do Climatempo, o que fez a chuva e o frio voltarem a ocorrer no Brasil em agosto de 2018, foi a quebra de um  bloqueio. "A quebra do bloqueio atmosférico e o aquecimento da costa do Peru, possibilitou a passagem das frentes frias do Sul para o Sudeste e consequentemente uma maior amplitude das ondas de frio. O ar polar conseguiu maior penetração pelo interior do Brasil. Na primeira quinzena de agosto, com a maior frequência da passagem do ar polar, o centro-sul do Brasil registrou temperaturas mais baixas, dando então uma cara mais de inverno. A primeira quinzena de agosto foi mais úmida em algumas áreas centrais do que no ano anterior, o que manteve as temperaturas mais amenas.”

Fazer frio em agosto não é incomum. Em 2013, tivemos vários episódios de neve no mês de agosto. O que foi muito atípico na primeira quinzena foi a chuva. O frio (e os dias úmidos), na primeira quinzena de agosto de 2018, na cidade São Paulo foi tão atípico, que mascarou a realidade do inverno “quente” (e seco) pelo qual a maioria das áreas do centro-sul do país está passando.

Agosto de 2018 está sendo, sim, mais frio do que agosto de 2017 no centro-sul do Brasil, de forma geral, mas julho foi mais quente do que a média.

O que vem por aí...

Ainda, teremos a passagem de mais frentes frias até o final do agosto e muitas áreas do interior do país ainda podem fechar este mês com temperaturas abaixo da média. Com dois meses de inverno transcorridos, não se pode afirmar que o inverno de 2018 vai terminar mais frio do que a média. 

Até agora, o frio da primeira quinzena de agosto está compensando o calor de julho no centro-sul do país. Setembro ainda pode começar com episódios de temperaturas baixas no centro-sul do Brasil, mas que logo voltam a subir. Pensando em uma média de todo o período, o Inverno poderá fechar com temperaturas dentro a acima da média.

Clima Tempo

Corumbá

Confiram a temperatura neste momento em Corumbá: 14 graus, nublado, com garoa fina, umidade relativa do ar em 85%. A máxima prevista é de 23 graus e o céu deve limpar a noite. A quinta-feira pode ter sol, mas ainda assim o ar gelado permanece no Pantanal. A mínima prevista para esta quinta-feira,23 de Agosto é de 23 graus e máxima de 30 graus. Sexta-feira,24 e sábado,,25, a temperatura pode cair novamente chegando a 11 graus. Sábado,26 e domingo 27, o sol pode sair, mas o frio vai ser mais intenso em torno de 10 graus. Retirem os casacos e cobertores do armário porque o inverno esta mostrando as caras  em uma das regiões mais quentes do Brasil.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
O que é preciso saber para o segundo dia do Enem
GERAL
Correios celebra Dia do Carteiro e 358 anos de serviço postal
COVID-19
Boletim Covid-19 deste sábado registra óbitos em 12 municípios
GERAL
Startup de design investe em site para vender produtos sul-mato-grossenses
GERAL
Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio de R$ 22 milhões
TEMPO
Sala de Situação do Imasul alerta para risco de transbordamento dos rios Miranda e Aquidauana
TEMPO
Meteorologia prevê sábado com pancadas de chuva e máxima de 33°C
GERAL
Chuva acima da média histórica desabriga famílias
SAÚDE
Em quatro dias, mais de 11 mil pessoas foram vacinadas contra Covid-19 em Mato Grosso do Sul
COVID-19
Mais de 30 mortes por coronavírus são registradas em apenas um dia no Estado

Mais Lidas

Denúncia
Mato, esgoto estourado e lixo tomam conta de Ladário
ESQUEMA DE COMBUSTÍVEL
PRF flagra esquema de furto de combustíveis e condutor entregou óleo diesel em Corumbá
PRORROGADO TOQUE DE RECOLHER
Toque de recolher é prorrogado em Mato Grosso do Sul
POLICIAL
PM prende homem com mandado de prisão após ocorrência de furto de moto no Cristo Redentor