Menu
domingo, 11 de abril de 2021
Ambiental MS Pantanal - Aegea
Andorinha Fevereiro
Geral

Com aumento das intoxicações, uso de agrotóxicos será tema de seminário

16 março 2018 - 09h47Portal do Governo de Mato Grosso do SulPortal do Governo de Mato Grosso do Sul

Em 2017, 164 pessoas morreram no País após entrarem em contato com agrotóxicos e 157 ficaram incapacitadas para o trabalho, conforme dados do Ministério da Saúde e da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). As intoxicações causadas pelo uso de agrotóxicos dobraram no Brasil e se tornaram problema de saúde pública nos últimos anos. Para discutir os indicadores da saúde dos trabalhadores expostos a agrotóxicos em Mato Grosso do Sul, a Secretaria de Estado de Saúde (SES) realiza um seminário no dia 27 de março.

Só em 2017, foram registrados no Brasil quatro mil casos de intoxicação por exposição a agrotóxicos. Esse envenenamento não é considerado um agravo de notificação compulsória, por isso estima-se que a cada caso notificado, existam outros 50 de intoxicação.

Conforme o Sistema Nacional de Informações Tóxico-Farmacológicas (Sinitox), entre 2007 e 2011 mais de 26 mil pessoas foram intoxicadas por agrotóxicos de uso agrícola, mais de 13 mil por agrotóxicos de uso doméstico, cinco mil por produtos veterinários e mais de 15 mil pessoas foram intoxicadas por raticida, sem contar os que desenvolveram doenças como o câncer, devido ao uso desses produtos.

Seminário

Para melhorar os indicadores da saúde dos trabalhadores expostos a agrotóxicos em Mato Grosso do Sul, a Superintendência Geral de Vigilância em Saúde da Secretaria de Estado de Saúde (SES), por meio da Coordenadoria de Vigilância em Saúde do Trabalhador (CVIST) e do Centro Estadual de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST), realiza o seminário “Sobre impactos dos agrotóxicos na Saúde e no Ambiente”.

O evento, que acontecerá no auditório da Governadoria, das 7h30 às 17h, tem como principal objetivo a capacitação de profissionais de saúde dos municípios, a capacitação dos Cerest’s regionais, dos profissionais do Serviço de Saúde do Trabalhador, dos acadêmicos da área de saúde e dos profissionais em geral.

Na programação, estão previstas as palestras “Saúde, trabalho e ambiente – A exposição ao agrotóxico”, com doutor e professor da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), Wanderlei Antônio Pignati; e “Intoxicação por agrotóxicos e as consequências na saúde da população”, com o médico Sandro Trindade Benites, atuante no Centro Integrador de Vigilância Toxicológica do Estado.

Haverá ainda a apresentação do “Plano Estadual de Vigilância da População Exposta a Agrotóxicos de Mato Grosso do Sul”, com o coordenador da Vigilância Ambiental do Estado, Karyston Adriel Machado da Costa.

Inscrição

O evento é gratuito, mas para ter acesso à ficha de inscrição é preciso entrar em contato com o Cerest pelos telefones (67) 3312-1133 / 1129 ou 1136.

A ficha preenchida deve ser entregue até o dia 19 de março pelo email: [email protected]

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza terá início na próxima segunda
MUDANÇA NO CTB
Nova Lei entra em vigor com alterações sobre uso de farol em rodovias
ECONOMIA
Cadastro de imóveis rurais será completamente digitalizado
GERAL
Corumbá recebe primeira remessa de queijos produzidos em assentamento rural
ESPORTE
Botafogo e Volta Redonda enfrentam-se neste sábado à noite
GERAL
CMDCA realiza neste sábado prova de conhecimento específico para Conselheiros Tutelares Suplentes
POLICIAL
PM captura foragido e aborda motociclista sem CNH no Guaicurus
POLICIAL
Casal vai para a delegacia após briga no Popular Nova
POLICIAL
Marido ameaça mulher, quebra objetos da casa e põe culpa em macumba
GERAL
Sorteio da mega-sena pode pagar R$ 27 milhões neste sábado

Mais Lidas

POLICIAL
Marido ameaça mulher, quebra objetos da casa e põe culpa em macumba
POLICIAL
Casal vai para a delegacia após briga no Popular Nova
SAÚDE
Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza terá início na próxima segunda
POLICIAL
PM captura foragido e aborda motociclista sem CNH no Guaicurus