Menu
terça, 05 de março de 2024
Fipec 2024
Fipec 2024
Geral

Colesterol alto atinge mais de 14% da população de MS, mas pode ser revertido

29 agosto 2018 - 09h46Campo Grande News

O colesterol alto é o mal do século e segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) atinge cerca de 250 mil adultos em Mato Grosso do Sul, um percentual de 14% da população. No Centro-Oeste, são mais de um milhão de pessoas com colesterol alto.

Entre diversos fatores, o colesterol ruim está associado a maus hábitos alimentares e é uma das principais enfermidades crônicas não transmissíveis que causam doenças cardíacas.

Conforme o IBGE, aproximadamente 250 mil adultos tem o problema no Estado e a farmacêutica Marianne Marks da Silva, superintendente da Rede São Bento, pontua algumas medidas a serem tomadas para evitar as consequências do colesterol elevado.

“Especialistas orientam atividade física, reeducação alimentar e se necessário um encaminhamento ao médico”, disse.

No dia 8 de agosto foi comemorado o "Dia Nacional de Controle do Colesterol", apontado como um dos principais causadores das 17,5 milhões de mortes por doenças cardiovasculares no mundo. Além disso, a doença pode causar infartos, acidentes vasculares cerebrais e aneurismas, doença arterial periférica que podem levar o indivíduo a sequelas importantes ou morte, entre outras complicações.

São dois os grandes vilões no aumento do índice de LDL, que é considerado o colesterol prejudicial: a alimentação incorreta, representada pelo excesso de gordura animal e gorduras trans, e o fator genético, ou seja, de origem familiar. A prevenção, alimentação saudável e a prática regular de exercícios físicos são as melhores formas de controlar o colesterol maléfico à saúde.

Programa - Marianne afirma que a rede São Bento promove ações específicas para quem tem esse problema. O programa inicia no mesmo momento em que o paciente chega ao balcão da farmácia.

“Em 30 dias do início do Programa Colesterol em Dia já são oito pacientes acompanhados por uma nutricionista. Depois de oferecer o serviço no balcão, posteriormente, o paciente é encaminhado ao consultório farmacêutico para execução dos serviços, com a missão de fornecer informações claras e orientações precisas em relação aos medicamentos”, explica a farmacêutica.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde Pública
Vereadora busca informações sobre exames do pré-natal na Saúde Pública
Destaque
Pesquisa mostra que diferença salarial entre mulheres e homens caiu
Aposta
Mega-Sena sorteia nesta terça-feira prêmio acumulado em R$ 205 milhões
Escalonamento
Governo de MS propõe indicadores de produção para aumentar salário de agentes de saúde
Boas Vindas
Moinho Cultural retoma atividades com 120 novos alunos
Bacia Paraguai
PMA aplica mais de R$ 53 mil em multas no primeiro final de semana de pesca aberta
Apresentação
Jiboia resgatada de circo é a embaixadora ambiental do Bioparque Pantanal
Tráfico de Drogas
Escaneamento identifica pasta base dentro de compressor
Tempo
Com temperaturas mais amenas, terça-feira tem tempo instável e probabilidade de chuvas
Corumbá tem mínima de 26°C e máxima de 31°C
Oportunidades
Qualifica Ladário divulga lista com os inscritos para as turmas 2024

Mais Lidas

Em Corumbá
Homem é preso acusado de abusar da sobrinha de 12 anos
Na BR 262
Boliviano é preso com 2kg de maconha em fundo falso de mala
Até dia 11
Processo Seletivo da UEMS tem 51 cursos de graduação com inscrições abertas
Ecoturismo
Baixa temporada em pleno verão em Bonito e Serra da Bodoquena tem tarifário reduzido