Menu
sábado, 19 de junho de 2021
Andorinha - Maio
Andorinha - Maio
Geral

Centro e Aeroporto são os bairros com maior número de positivos para Covid

03 agosto 2020 - 08h41Gesiane Sousa

O gráfico de infestação da Covid-19 em Corumbá registra o Centro da cidade e o bairro Aeroporto no topo do ranking de positivos da doença. O último boletim epidemiológico divulgado pela secretaria municipal de saúde, neste domingo, 2 de agosto, confirma que desde  inicio da pandemia até hoje, 1.386 pessoas já se infectaram com a Covid-19 na cidade. Destas 201 são da região central e 167 são do bairro Aeroporto. Os bairros com menor índice de infectados são o Beira Rio e o Borroswisk com apenas um residente positivo cada, e o Industrial, que registra dois contaminados pelo vírus.

Não é por acaso que o centro da cidade lidera o ranking de infestação da Covid na cidade, a região concentra o comércio e por isso contém grande circulação de pessoas. Daí a importância de manter em uso as medidas preventivas, como máscara facial protetora, álcool gel e distanciamento. Sempre que precisar sair de casa, a orientação é que permaneça com a máscara o tempo todo e leve outra de reserva, pois a proteção é eficiente por até quatro  horas, após esse período a máscara deve ser trocada. O descarte deve ocorrer sem contato ao tecido, segure sua máscara pelos elásticos e a guarde em um saco plástico isolada dos demais itens que tiver consigo. Após trocar o Equipamento de Proteção Individual não deixe de higienizar as mãos.

Gráfico de positovos para Covid-19 por bairros. Foto: Reprodução Boletim Epidemiológico Municipal de Corumbá

O Centro e o Aeroporto também lidera o ranking dos recuperados, respectivamente 154 e 130 pessoas seguiram o tratamento médico e não possuem mais sintomas da doença, são considerados curados. verdadeiros guerreiros que venceram a Covid. Em Corumbá, do inicio da pandemia até hoje, 1.076 pessoas já se recuperaram da doença. A conta básica que subtrai os recuperados dos notificados resulta em 310 pessoas que estão em tratamento médico hospitalar ou dominicilar, lutando contra o vírus.  

A cidade encarou um mês de julho com grande elevação da curva epidemiológica. Segundo dados oficiais do Boletim, no dia 1º de julho, Corumbá tinha 395 infectados e no último do mesmo mês, o número de positivos para Covid na cidade era de 1.385. Um aumento de 990 casos, quase mil pessoas infectadas em 31 dias.

O mês de agosto, até o momento não registrou grande números. Houve um novo caso registrado no dia 1º e o número de 1.386 positivos foi mantido no domingo, 2 de agosto. O mesmo dado promissor não se pode dizer sobre os óbitos, em 30 de julho, Corumbá havia perdido 36 vidas para Covid, e já nos primeiros dias de Agosto, o número subiu para 43 óbitos, um aumento de 7 mortes.

O boletim desta segunda (3), deve ser divulgado no período da tarde.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVID-19
Comissão rejeita proposta de inclusão de jornalistas, bancários e vigilantes em grupos prioritários
SAÚDE
SES autoriza municípios a vacinarem com a Pfizer adolescentes acima de 12 anos com comorbidades
POLICIAL
PRF apreende 450 mil maços de cigarro contrabandeados na Capital
GERAL
MPF aponta risco de desaparecimento de espécies no Rio Paraná
Rio Paraná Energia, empresa da holding China Three Gorges Corporation (CTG), é acusada de descumprir regras ambientais e levar à beira do desaparecimento peixes como Pintado e Dourado
SAÚDE
SES prepara distribuição das 70.160 doses de vacina contra a covid-19 em MS
GERAL
Fórum apresenta avanços do Plano Estratégico em MS
POLICIAL
PMA e Bombeiros resgatam ave em extinção ferida
GERAL
Contribuintes têm até o dia 3 de agosto aderir ao REFIS 2021
EDUCAÇÃO
Terminam hoje as inscrições do Encceja 2020 para privados de liberdade
GERAL
Homem fica ferido após queda de cavalo no Pantanal

Mais Lidas

GERAL
Homem fica ferido após queda de cavalo no Pantanal
GERAL
Bombeiros combatem incêndio em concessionária no Centro
POLICIAL
PM de Corumbá prende homem com mandado de prisão em aberto na área central
GERAL
Atenção ao prazo: licenciamento de veículos com placas 3 e 4 vence neste mês