Menu
sábado, 13 de abril de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

Caixa paga auxílio emergencial para nascidos em julho

16 outubro 2020 - 10h17Andreia Verdélio, Agência Brasil

A Caixa Econômica Federal paga hoje (16) o auxílio emergencial para 3,6 milhões de brasileiros nascidos em julho. Serão liberados R$ 1,6 bilhão para beneficiários que não fazem parte do Bolsa Família, no ciclo 3 de pagamentos do programa. Os pertencentes ao Bolsa Família recebem de acordo com o calendário do programa.

Do total, 1,3 milhão receberão R$ 800 milhões referentes a parcela do auxílio emergencial regular, no valor de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães chefes de família). Os demais, 2,3 milhões, serão contemplados com a primeira parcela do auxílio emergencial extensão de R$ 300 (R$ 600 para mães chefes de família), num total de R$ 800 milhões.

Os recursos estarão disponíveis na poupança social digital e poderão ser movimentados pelo aplicativo Caixa Tem. Com ele é possível fazer compras na internet e nas maquininhas em diversos estabelecimentos comerciais, por meio do cartão de débito virtual e QR Code. O beneficiário também pode pagar boletos e contas, como água e telefone, pelo próprio aplicativo ou nas casas lotéricas.

O calendário de pagamentos do auxílio emergencial é organizado em ciclos de crédito em conta poupança social digital e de saque em espécie. Os beneficiários recebem a parcela a que têm direito no período, de acordo com o mês de nascimento.

Saques e transferências para quem recebe o crédito nesta sexta-feira serão liberados a partir do dia 26 de novembro. A partir dessa data, o beneficiário poderá retirar o auxílio emergencial no caixa eletrônico, nas agências da Caixa ou lotéricas ou usar o aplicativo Caixa Tem para transferir o dinheiro da poupança digital para contas em outros bancos, sem o pagamento de tarifas.

O auxílio emergencial criado em abril pelo governo federal, pago em cinco parcelas de R$ 600 ou R$ 1,2 mil para mães solteiras, foi estendido até 31 de dezembro, por meio da Medida Provisória (MP) 1000. O auxílio emergencial extensão será pago em até quatro parcelas de R$ 300,00 cada e, no caso das mães chefes de família monoparental, o valor é de R$ 600,00.

De acordo com a Caixa, não há necessidade de novo requerimento para receber a extensão do auxílio. Somente aqueles que já foram beneficiados e se enquadram nos novos requisitos estabelecidos na MP, terão direito a continuar recebendo o benefício. A parcela extra inicial será para os beneficiários que receberam a primeira parcela do auxílio emergencial em abril.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Destaque
Referência mundial em prevenção e combate aos incêndios florestais, Prevfogo completou 35 anos
Carreira
Cerca de 40 mil bacharéis em direito participam do ENAM neste domingo
Ação de Cidadania
Equipe técnica visita o Alto Taquari para planejar realização do Juizado Itinerante em junho
Destaque
Alunos de MS são premiados em terceiro lugar em desafio internacional de programação
Meio Ambiente
Lançado em 2023, SIFAU auxilia Mato Grosso do Sul na identificação de áreas para queima prescrita
Cidade
Vítima de ferimento por faca é destaque no plantão dos Bombeiros
Pacto de Cooperação
Governo e Sebrae/MS vão fomentar o empreendedorismo indígena em no estado
Evento
Turismo de MS leva capacitação, gastronomia pantaneira e lançamentos à 11ª WTM Latin America
Mercado Internacional
MS quintuplica potencial de abate e exportação de carne bovina para a China
Concretagem
Ponte fecha às 17 horas de hoje e reabre às 5h de domingo (14)

Mais Lidas

Morte à Esclarecer
Idoso é encontrado morto com marcas de mordidas de cachorro em Corumbá
Últimas 24 horas
Incêndio em casa no centro é destaque no plantão dos Bombeiros
Qualificação
Cursos técnicos com alta demanda no mercado são opções de qualificação no Senac Corumbá
Decisão Judicial
Ribeirinhos são despejados de terras no Morrinho