Menu
segunda, 17 de junho de 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Geral

Brigada Alto Pantanal atua para reduzir incêndio na frente de escola Jatobazinho

Brigadistas concentraram esforços nos dois últimos dias na área

10 junho 2024 - 10h33Assessoria, IHP

A Brigada Alto Pantanal, mantida pelo Instituto Homem Pantaneiro (IHP), concentrou atuação nos dois últimos dias para combater o incêndio na frente da Escola Jatobazinho, mantida pela Acaia Pantanal. As ações foram feitas até não haver o risco de o fogo manter-se alto e ter mais condições de pular o rio Paraguai e atingir a escola.

Em um dos dias de maior atuação, os seis brigadistas iniciaram o combate e construção de linhas de defesa por volta das 15h e pararam perto das 22h.

Foram usados sopradores, roçadeiras, moto-bomba e oito lances de mangueira (em torno de 80 metros). Foi retirada água do rio para buscar resfriar a vegetação e apagar alguns focos.

Na sexta-feira (7), à tarde, houve uma vistoria e o fogo mostrou-se ter reduzido, sem o risco evidente de pular o rio. Infelizmente, ainda há riscos e por isso a região é considerada prioritária para monitoramento.

As aulas foram suspensas emergencialmente, conforme a Acaia Pantanal. Todos os alunos e funcionários foram evacuados do local. Na escola estudam 54 alunos. Conforme a Acaia Pantanal, ainda não há data para retorno das aulas.

A fumaça na região ainda é muito forte, o que também pode prejudicar as atividades educacionais.

Neste sábado (08), foi realizado monitoramento de outras áreas que ficam cerca de 20 minutos acima da Jatobazinho. A Brigada Alto Pantanal já percorreu perto de 200 km desde terça para realizar combates e linhas de defesa. Há apoio da comunidade em diferentes ações.

O trabalho da Brigada Alto Pantanal, mantida pelo Instituto Homem Pantaneiro (IHP), tem parceria estratégica com a Vbio.eco, Celeo, ISA CTEEP e Funbio.

O Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul está com equipes também espalhadas pelo Pantanal para realizar o combate a incêndios florestais. O Prevfogo/Ibama também está com atuação e mobilização de equipes. A Marinha do Brasil presta apoio em alguns combates.

Sobre o IHP

O Instituto Homem Pantaneiro (IHP) é uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos. Fundado em 2002, em Corumbá (MS), atua na conservação e preservação do bioma Pantanal e da cultura local.
Entre as atividades desenvolvidas pela instituição destacam-se a gestão de áreas protegidas, o desenvolvimento e apoio a pesquisas científicas e a promoção de diálogo entre os atores com interesse na área.

Os programas que o Instituto atua são Rede Amolar, Cabeceiras do Pantanal, Amolar Experience, Felinos Pantaneiros, Memorial do Homem Pantaneiro, Brigada Alto Pantanal e Estratégias para Conservação da Natureza. Saiba mais em https://institutohomempantaneiro.org.br/. O IHP também integra o Observatório Pantanal.

Receba as notícias no seu Whatsapp. Clique aqui para seguir o Canal do Capital do Pantanal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Sítio Pioval
Bombeiros resgatam família ribeirinha cercada pelo fogo
Provisório
Sanesul passa a atender na rua 15 de novembro a partir de segunda (17)
Geral
MEC aceita revogar portaria se professores de federais acabarem greve
Esporte
Atletas indígenas são destaque em Jogos Escolares da Juventude de Mato Grosso do Sul
Geral
Projeto de protocolo cardiológico de Mato Grosso do Sul é destaque no Conass
Geral
Diálogo avança e 122 servidores do Detran de MS são promovidos por antiguidade
Destaque
Boletim Epidemiológico: MS registra 11.550 casos confirmados de dengue
Geral
Com apoio do Governo, Expotrês apresenta novas tecnologias do agro e leva entretenimento ao público
Geral
No ar boletim Detran Mais Perto, Mais Eficiente da semana de 10 a 14 de junho
Clima
Corumbá amanhece com 25 graus
A máxima neste sábado pode chegar a 36 graus

Mais Lidas

Provisório
Sanesul passa a atender na rua 15 de novembro a partir de segunda (17)
Sítio Pioval
Bombeiros resgatam família ribeirinha cercada pelo fogo
Geral
Diálogo avança e 122 servidores do Detran de MS são promovidos por antiguidade
Esporte
Atletas indígenas são destaque em Jogos Escolares da Juventude de Mato Grosso do Sul