Menu
quinta, 24 de junho de 2021
Governo - O ESTADO QUE CRESCE JUNHO
Expresso Mato Grosso - Maio
Geral

Bombeiros alertam população sobre enxameamento de abelhas em Corumbá

21 junho 2016 - 11h29Sylma Lima

De acordo com estudiosos o período de enxameamento é de Outubro até Março, mas você sabe o que é isso? É a saída de um grupo de abelhas operárias acompanhando uma rainha e levando suprimento de mel para a construção dos favos e para a sua alimentação. O Cabo Bombeiro Carlos Alberto Gomes Correia da Costa explicou ao Capital do Pantanal, que em conversa com pesquisadores da Embrapa Pantanal, eles confirmaram a ocorrência do fenômeno, considerado natural, em Corumbá, “as abelhas estão migrando do Pantanal para o perímetro urbano devido a cheia e tempo frio. Elas saem a procura da floração das mangueiras e outras espécies que estão florando nesta época.

"As abelhas buscam alojamento em árvores, postes e outros locais, então alertamos a população a não tentar fazer a retirada do mel, não colocar fogo e chamar os bombeiros para fazer esse serviço”, disse também que há grande incidências de marimbondos principalmente na parte central, onde há maior proximidade com o rio, “o ideal é acionar o 193 para que possamos fazer uma vistoria”. Carlos Alberto lembrou que a enxameação não deve ser confundida com emigração, que ocorre quando todas as abelhas abandonam sua colmeia, deixando-a totalmente vazia. Os enxames primários, em geral, pousam perto da colmeia e em galhos baixos, porque a rainha, que estava em postura, é pesada e não pode fazer vôos longos. Já os enxames secundários e terciários, voam para longe e pousam geralmente em galhos mais altos. Como o homem vem ocupando todos os espaços, os animais silvestres buscam refúgio em áreas urbanas.

Causas da enxameação

Entre elas foi destacado: a falta de espaço para postura ou para armazenar o mel e pólen; instinto de expansão geográfica; instinto de reprodução; escassez de alimentos; tendência para enxamear; falta de ventilação; temperatura elevada; muita umidade dentro da colmeia; rainha velha, com pouca produção da “substância real”, que une as abelhas; raça (africanas enxameiam mais do que as italianas) e o excesso de zangões que comem quatro vezes mais que as operárias, o que causa a falta de alimento na colmeia.

Alerta

O bombeiro disse que está capturando uma média de cinco cobras por semana e algumas venenosas, “a expansão e o crescimento da cidade tem ocupado o espaço dos animais que tentam se defender” . Corumbá não possui centro de reabilitação de animal silvestre (Cras), por isso os animais saudáveis são devolvidos à natureza e os doentes a Policia Militar Ambiental. Outro caso que tem chamado a atenção é o de afogamentos no rio Paraguai, “ocorreram três casos em um mês e estamos no inverno, sendo que no verão esse índice aumenta”, ressaltou que o rio é traiçoeiro e quem não tem técnica não deve se aventurar a tentar salvar uma pessoa em situação de afogamento.


 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Bombeiros Militares executam mais de 500 ações de prevenção a incêndios florestais
GERAL
Evander comemora licitação para pavimentar estrada de Corumbá a Porto Esperança
CORONAVÍRUS
MS vai receber 150 mil doses da vacina da Janssen para estudo de vacinação e massa
POLICIAL
PM de Corumbá prende indivíduo com mandados de prisão em aberto
GERAL
Deputada Bia Cavassa comemora aprovação de piso salarial para secretários escolares
POLICIAL
Autor é preso por furto em oficina no Cristo Redentor
SAÚDE
Com cobertura em 40,06%, campanha de vacinação contra a Influenza continua em MS
SAÚDE
Novo lote com 300 mil doses da vacina da Janssen chega ao Brasil
INCÊNDIO
Bombeiros combatem incêndio em mata e alertam para prevenção
POLICIAL
Homem é preso por descumprimento de medida protetiva no Aeroporto

Mais Lidas

POLICIAL
PM atende ocorrência de abandono de criança no Cristo Redentor
POLICIAL
Delegado acusado de assassinato de boliviano vai a júri popular
GERAL
Sanesul informa que poderá faltar água em alguns bairros de Corumbá
POLICIAL
Homem é preso por violência doméstica no bairro Nova Corumbá