Menu
sexta, 23 de fevereiro de 2024
Geral

Azambuja diz : “ Sou mais a urna do que pesquisa”

14 abril 2018 - 11h58José Carlos Cataldi e Sylma Lima
Azambuja participou de um encontro de mulheres do PSDB em Corumbá. Foto: Sylma Lima

Empate técnico em pesquisa mostra que candidatos do Mato Grosso do Sul terão de gastar muita sola de sapato. Governador Reinaldo Azambuja diz que não se impressiona com pesquisas, mas veio a Corumbá prestigiar encontro na Região do Pantanal em que foi lançada a pré candidatura de Bia Cavassa, viúva do ex-prefeito Corumbaense Ruiter Cunha; a deputada estadual pelo PSDB.

A grande reunião foi precedida por um encontro de lideranças femininas, com o propósito de consolidar a indicação de Bia.

Azambuja trouxe comitiva em que estavam alguns políticos proeminentes, dentre eles, dois pré-candidatos do partido ao senado. O governador falou ao ‘Capital do Pantanal’ que estava feliz em participar do encontro com tantas adesões, vendo que são lideranças, simpatizantes e até pessoas comuns que reconhecem que o projeto de governo dele para o Mato Grosso do Sul está dando certo e deve ser repetido.

Disse que “é bom poder abraçar Bia e os filiados, bem como nossos candidatos à reeleição, dentro desse nosso jeito de fazer política, com muito diálogo e entregas”. Frisou, quanto a reeleição: “minha pré-candidatura não é só minha. É do partido”.

Quanto às pretensões de Nelsinho Trade e de Marcelo Miglioli ao Senado, Reinaldo Azambuja disse que são duas pessoas da melhor qualidade, aptas a compor a chapa do PSDB.

Azambuja conversou com exclusividade com o Capital do Pantanal. Foto: Ana Lima

Sobre a pesquisa que coloca em pé de igualdade com ele o juiz aposentado Odilon de Oliveira (PDT), que nunca foi candidato; e, André Pucinelli (MDB), que já foi prefeito de Campo Grande duas vezes e governador do Mato Grosso do Sul outras duas, Reinaldo Azambuja voltou a dizer que a pesquisa foi feita apenas entre eleitores de Campo Grande e que ele prefere acreditar na urna. “Já fui vítima de pesquisas”, disse o governador, afirmando que o governo dele está presente nas 79 cidades. Citou, inclusive, outras pesquisas, pelo interior, que mostram diferença a favor dele. Foi textual: “o trabalho que fizemos foi trabalho de responsabilidade e de entregas”.

Azambuja destacou que o Mato Grosso do Sul ressurgiu da crise em sua administração. Hoje é o 5º estado mais competitivo do Brasil. É quem mais investiu em infraestrutura, entre os 27 componentes da federação. Paga salários em dia e é o segundo em geração de empregos.

Reinaldo Azambuja (PSDB/MS) foi prefeito de Maracaju e concorre a reeleição ao governo do Estado.

   Caravana do PSDB percorre todo estado. Fotos: Ana Lima

 

 

 Caravana do PSDB percorre todo estado. Fotos: Ana Lima

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Imunização
Vacinação contra dengue começa neste sábado (24) em Corumbá
Recuperação
Mineração retoma crescimento em MS com R$ 275,9 milhões de taxas de compensação em quatro anos
Variedades
Veja quais são as 5 seleções mais vitoriosas do futebol europeu
Oportunidade
Concurso da Caixa tem 3 vagas para Corumbá com salário de R$ 3,7 mil
Negociação
TJMS lança campanha de combate ao superendividamento nesta sexta-feira (23)
Destaque
Formação do Conselho de Pesca de MS é publicada no Diário Oficial
20 mil litros
Dois homens são presos por contrabando de combustível em Corumbá
Partidas Dobradas
Operação conjunta apura entrada ilegal de produtos estrangeiros pela fronteira de MS
Pagamento Especial
Bolsa Família antecipa pagamento para municípios do RS e ES
Leão
Receita abre consulta a lote residual do Imposto de Renda

Mais Lidas

Plantão
Pessoa é encontrada morta em casa do Popular Velha
Oportunidade
Concurso da Caixa tem 3 vagas para Corumbá com salário de R$ 3,7 mil
Você viu?
Bailarinos de Corumbá se apresentaram no palco do Caldeirão com Mion
Incentivo
Academia de Jiu Jitsu mobiliza doações para participação de 25 atletas em campeonato