Menu
sábado, 24 de fevereiro de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Geral

André buscará apoio dos aliados de Azambuja para sua campanha

16 fevereiro 2018 - 09h54correio do estado

O ex-governador e pré-candidato ao Executivo de Mato Grosso do Sul André Puccinelli (MDB) afirmou que não vê problema em firmar alianças com partidos que permaneceram na base do administrar do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), na Assembleia Legislativa.

Durante a sessão de ontem (15), os deputados estaduais confirmaram que vão manter a formação dos blocos parlamentares que foi usada em 2017. O bloco I é liderado pelo PSDB, com PR, DEM, PSB, PSC e SD. Eles jogam alinhados com os interesses do governo desde a posse de Azambuja, em 2015. Mas nem todos esses partidos poderão ficar na aliança da reeleição do atual governador.

“Eu nunca me meti nas questões da Assembleia nem quando era governador. Politicamente, não vejo problema algum. Tenho convicção de que não vai atrapalhar em caso de coligações do MDB com a base aliada do atual governador. Não vejo impedimento para uma coligação com quem está na base agora”, disse Puccinelli.

No bloco do MDB, está o PDT e PEN. Eles também atuaram, até o momento, como aliados do governador na Assembleia Legislativa.

O cenário poderá mudar com a sucessão estadual. O PDT decidiu partir para enfrentamento, com o juiz federal aposentado Odilon de Oliveira, contra André e Azambuja. Mas o partido deve desaparecer no Legislativo com a futura desfiliação do deputado George Takimoto.

Ele foi acusado pela direção do partido de infidelidade, por não acatar a ordem de votar contra a reforma da Previdência, e convidado para se filiar ao MDB. A legenda está confiante de que Takimoto vai aceitar a proposta  Hoje, o ex-governador estará em Nova Andradina e, amanhã, vai a Naviraí.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Até 9h de amanhã
Corumbá e mais 23 cidades de MS estão sob alerta de chuvas intensas
Na entrada
Perícia estima que morte de homem encontrado em mata na cidade tenha ocorrido há 4 dias
Dados IBGE
Em 12 anos, quase 60 mil pessoas trocaram casa por apartamentos em MS
Nota Oficial
APAE de Campo Grande divulga nota de esclarecimento sobre bolsas coletoras
Pesquisa
UFMS apresenta Plano de Desenvolvimento e Integração da Faixa de Fronteira à Sudeco
Cursos
Academia de Música Manoel Florêncio abre inscrições para 127 vagas
Um menor
Operação resgata 20 trabalhadores sob condições de escravidão em fazenda de limão
Vindo do RJ
Boliviano de 21 anos é detido com 35 celulares sem nota fiscal
Convênio
Pacientes bolivianos em tratamento oncológico em Corumbá terão 75% de desconto na Andorinha
Protesto
Religiosos pedem retratação à site da capital por desrespeito à Iemanjá

Mais Lidas

Protesto
Religiosos pedem retratação à site da capital por desrespeito à Iemanjá
Na entrada
Perícia estima que morte de homem encontrado em mata na cidade tenha ocorrido há 4 dias
Oportunidade
Concurso da Caixa tem 3 vagas para Corumbá com salário de R$ 3,7 mil
Vindo do RJ
Boliviano de 21 anos é detido com 35 celulares sem nota fiscal