Menu
domingo, 26 de maio de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

Além de alegria e diversão, Carnaval de Ladário gera renda para comerciantes

09 fevereiro 2016 - 17h26Redação
O Carnaval de Ladário além de trazer alegria para os foliões também gera renda durante os cinco dias de festa, beneficiando o setor econômico do município. O comércio, bem como os vendedores ambulantes são beneficiados com o aumento de consumidores na cidade, aumentando os lucros neste período festivo que já se encontra no calendário de eventos da Pérola do Pantanal. A Praça da Alimentação montada no Espaço Folia tem comidas para todos os gostos. O folião não precisa se preocupar para encontrar opção de lanches rápidos para recarregar as energias. São barraquinhas de cachorros quentes, espetinhos, peixe, batata fritas, arroz carreteiro, paçoca de carne seca, bebidas, doces, entre outras comidas típicas da região pantaneira. Tatiana Rondon diz que há oito anos participa do carnaval de Ladário vendendo espetinho e cachorro quente. A novidade para este ano é o suco de laranja e arroz na chapa. Sua barraca foi crescendo ao longo desses anos, ela investiu em estrutura, higiene e atendimento e hoje ela é bastante visitada. O Gerente de Indústria e Comércio do município, Diego Cáceres, explicou que os ambulantes não pagam nada para vender nos arredores da Avenida onde se concentra a folia e que as barracas foram distribuídas por meio de sorteio, de acordo com o edital. As regras expostas durante o encontro realizado antes do início da folia é seguida a risca pela organização do evento para que não houvesse desentendimentos entre eles e a circulação dos foliões não ficasse prejudicada. ” Nós não conseguimos uma barraca, mas somos gratos pela prefeitura pensar nisso e também liberar o comércio de bebidas e alimentos fora delas, é a oportunidade que temos para ganhar um extra para ajudar nas contas de casa”, comentou contente a senhora Maria Silva.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Meio Ambiente
Relatório da ONU sobre o clima responsabiliza a humanidade por aumento de fenômenos extremos
Facilidade
Mais de R$ 1,8 milhão em taxas judiciárias já foram pagos via Pix
Variedades
Cassinos Online: Sorte e estratégia na era digital
Reitoria
Colégio Eleitoral da UFMS mantém Camila Ítavo em primeiro lugar na lista tríplice
Meio Ambiente
Juiz mantém proibido o desmate no Parque dos Poderes
Crime
Na delegacia, assassino "confesso" diz que conheceu corretora em aplicativo
Educação
UEMS e Fundect investem R$ 4 mi para fortalecer ensino superior em Mato Grosso do Sul
Em Maracaju
Estudantes do IFMS levam tecnologia a maior evento agro do Estado
Destaque
Dia da Indústria: Longen destaca força do setor industrial de Mato Grosso do Sul
Extrema magreza
Polícia resgata cães em situação de maus-tratos no Popular Nova

Mais Lidas

Tráfico de Drogas
Boliviana é presa com 12,7 kg de cocaína em botijão de gás transportado dentro de mala
Soldado Cidadão
Projeto da Marinha vai oferecer formação de condutores para recrutas em Ladário
Interdição
Ponte sobre o rio Paraguai fecha às 17 horas deste sábado; interdição deve durar 19 horas
Investigação
Polícia Civil prende homem acusado por furto de joias e celulares na cidade