Menu
quarta, 29 de maio de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

Agetrat intensifica fiscalização de veículos de grande porte na área urbana

26 fevereiro 2016 - 14h42Assessoria Institucional PMC
A Agência Municipal de Trânsito e Transporte (Agetrat) deflagrou na manhã dessa quarta-feira, 24 de fevereiro, uma grande operação de fiscalização em veículos de grande porte que trafegam e estacionam em locais proibidos da área urbana de Corumbá. Nessa primeira fase da Operação Carga Pesada, os agentes de trânsito montaram barreiras de fiscalização em três pontos estratégicos da cidade. O primeiro nas imediações da rua Gonçalves Dias, no bairro Aeroporto. No mesmo bairro os agentes autuaram carretas e caminhões estacionados em local proibido. O segundo ponto, que apresentou baixo índice de veículos de grande porte, foi na rua Pedro de Medeiros, recentemente asfaltada e onde é expressamente proibido o trânsito de veículo de grande porte no local. O terceiro ponto fiscalizado foi a rua Sete de Setembro, próximo a Escola Municipal Almirante Tamandaré, que também foi recentemente pavimentada. Nesse local os agentes de trânsito abordaram apenas uma carreta durante o período da operação. A visita neste ponto específico é em virtude de uma solicitação dos moradores do bairro que reclamam de eventuais carretas e caminhões que começaram a transitar no local após a pavimentação. Os agentes de trânsito aproveitaram a ação para realizar um levantamento de locais onde não há sinalização ou a sinalização deve ser melhorada. A Agência Municipal de Trânsito e Transporte sinalizou recentemente alguns destes locais mas, algumas placas foram retiradas pela ação de vândalos. "Em Corumbá, há restrições quanto ao horários e locais que os caminhoneiros podem transitar com veículos de grande porte. No perímetro de restrição, que basicamente compreende da linha férrea ao centro, as placas de sinalização indicam o horário que o condutor pode adentrar”, explicou o diretor-presidente da Agetrat, Alexandre Taques Vasconcelos. “Em outros locais, como é o caso da rua Pedro de Medeiros, a proibição de tráfego é ininterrupta, tudo para garantir a integridade física dos cidadãos e organizar o trânsito e estacionamento destes veículos. Caso a população queira reclamar, denunciar ações de vandalismos ou sobre irregularidades pode fazer contato através do número 3231-8245”, completou Alexandre. A Operação Carga Pesada teve início neste dia 24 de fevereiro e não há prazo de término. No primeiro dia de operação foram abordados 16 veículos de grande porte (carretas, caminhões, bitrens, etc.). Ao total, 15 agentes fiscalizadores são empenhados diariamente nesta ação, além de viaturas e motocicletas. Os dados estatísticos foram repassados pelo Setor de Estatística da Fiscalização de Trânsito da Agência Municipal de Trânsito e Trânsito.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Embrapa
Campanha Anual de Promoção do Alimento Orgânico chega a sua 20ª edição no Pantanal
Atrativo Turístico
Vereador pede revitalização do Eco Parque Cacimba da Saúde
Bolsistas
IFMS prorroga inscrições para bolsas do Mulheres Mil
Serviço Necessário
Vereador pede atenção especial para recuperar sistema de energia no Taquaral
Solidariedade
Sistema Fiems envia carretas de eletrotécnica e marcenaria para atender desabrigados no RS
Vagas para MS
Divulgado gabarito preliminar do concurso da Caixa
Operação Cartão Vermelho
Cezário pede licença do cargo de presidente da federação
Pavimentação
Obras de infraestrutura avançam em ruas do bairro Jardim dos Estados
Recurso Federal
Luciano Costa busca emenda para atender programas sociais do Moinho Cultural
Obrigatório
Prazo para implantação de QR Code para identificação de táxis termina dia 21 de junho

Mais Lidas

Educação
Inscrições no IFMS para qualificação profissional a distância vão até domingo, 2 de junho
Esporte
Primeira etapa do Circuito Funec de Corrida Rua reúne mais de 400 participantes
+ de 7 quilos
Bolivianas são presas transportando pasta base para São Paulo
Na Câmara
Aprovado Projeto que institui 30 horas de jornada a profissionais de enfermagem em Corumbá