Menu
sexta, 24 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Aeroporto de Bonito retoma voos e projeta novas conexões ao destino

O novo sistema operacional do aeródromo gera uma expectativa muito grande no setor turístico da região

12 dezembro 2020 - 08h41Silvio Andrade - Portal do Governo de MS

Com recorde de visitantes em setembro e outubro deste ano, o turismo de Bonito supera os três meses de paralisação devido à pandemia do coronavírus e cria cenários positivos para este fim de ano e para 2021. A partir deste domingo (13), a Azul retoma os voos e novas companhias aéreas aguardam a conclusão das obras e novos equipamentos no aeroporto local, em execução pelo Governo do Estado, para conectar o destino ao mundo.

Com coordenação da Superintendência Viária, da secretaria estadual de Infraestrutura (Seinfra), o Estado assumiu o controle do aeroporto em 2018 e promove adequações operacionais para a mudança de classificação do aeródromo, qualificando-o para receber grandes aeronaves. Foram adquiridos equipamentos Papi (sigla em inglês que significa Indicador de Percurso de Aproximação) e a faixa de domínio da pista está sendo ampliada.

Hoje o aeroporto de Bonito opera por visual e, a partir de 2021, será por instrumento, com a instalação dos Papi nas duas cabeceiras. Os aparelhos (sistema óptico de luzes) auxiliam a navegação aérea de aproximação indicando a altitude correta ou precisa para aterrisagem. Já adquiridos pelo Estado por meio de licitação, ao custo de R$ 1 milhão, os equipamentos são importados dos Estados Unidos, com previsão de chegada em fevereiro do próximo ano.

Captação de voos

Em visita às obras, o superintendente viário da Seinfra, Derick Machado, informou que as instalações (cabeamento em fibra óptica) estão prontas para receber o Papi. Adiantou que técnicos da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) realizam um ensaio laboratorial para saber qual o PCN (Número de Classificação do Pavimento) da pista de pouso, que tem 2.000 metros, para avaliar a capacidade de suporte do pavimento aeroportuário.

O novo sistema operacional do aeródromo gera uma expectativa muito grande no setor turístico da região (incluindo Jardim, Bodoquena e Miranda). “Devemos triplicar a médio prazo o número de voos para nosso destino”, estima Augusto Mariano, secretário municipal de Turismo. Antes da pandemia, a Azul operava cinco vezes por semana, em conexão com Campinas, e a Gol aguarda apenas a conclusão das obras no aeroporto para iniciar operação.

“Com a Seinfra entregando a nova certificação do aeroporto, a fundação vai se encarregar de captar novos voos, o que deve gerar uma competição muito grande entre as companhias”, afirma o diretor-presidente da Fundação de Turismo (Fundtur/MS Bruno Wendling. Para que isso ocorra, além da instalação dos Papi o Governo do Estado executa serviços de ampliação da área de escape da pista, cumprindo exigências para nova classificação do aeroporto.

Novo patamar

Bruno Wendling disse que a Fundtur vem trabalhando com estratégias para minimizar os impactos da pandemia ao turismo e uma das ações é o constante relacionamento com as companhias aéreas para a manutenção e captação de novos voos. A Azul anunciou a retomada do voo Campinas-Bonito-Corumbá, inicialmente com três voos até o fim do ano, aos domingos, com perspectiva de voltar a operar cinco dias por semana nos primeiros meses de 2021.

O presidente do Bonito Convention & Visitors Burean, Rodrigo Coinete, destaca o compromisso do governador Reinaldo Azambuja com o maior destino de ecoturismo do Brasil ao assinalar a reestruturação do aeroporto, a melhoria da logística terrestre, com o asfaltamento de rodovias de acesso, e mais segurança, citando a construção do quartel do Corpo de Bombeiros, obra em execução. “Nosso turismo entrará em um novo nível”, disse.

Para o secretário municipal de Turismo, Augusto Mariano, novas conexões de Bonito com Guarulhos (SP), portal emissor de estrangeiros, favorecerá o destino com redução do tempo de viagem e custo de bilhetes. “O investimento do governo é de fundamental importância. Vamos captar voos charters e com a Bioceânica Atlântico-Pacífico nos conectaremos com os Andes e receberemos voos internacionais de grandes emissores, como Paraguai e Bolívia”, projeta.

 

 

 

 

Escreva a legenda aqui

Deixe seu Comentário

Leia Também

Bairro Vila Mamona
Funcionários de construção amarram autor de furto e acionam PM
Polícia
Três foragidos foram capturados nas últimas 24 horas
Flagrante
Dupla é presa por tráfico de drogas na área central de Corumbá
Capital
Presos usam celulares até em banho de sol na Máxima
Economia
Governo sanciona lei que permite retomada da loteria de Mato Grosso do Sul
Política
Em Campo Grande, vereador Luciano Costa confirma investimentos do governo em Corumbá
Prevenção
Dia D de vacinação antirrábica em Corumbá é neste sábado (25)
Campanha
IHP recebe doação de água potável para Bombeiros e Brigadistas que atuam no Pantanal
Economia
Sancionada lei que reduz ICMS da energia elétrica durante bandeira vermelha
Sujeito à Acidentes
Deputado pede ampliação dos trevos para evitar acidentes na BR 262

Mais Lidas

Óbito
Irmãos são esfaqueados e o mais velho morre no caminho do hospital
Sob Investigação
Suspeita de irregularidade no pagamento da reforma do Hospital
Cidade
Árvore de grande porte cai sobre casa na avenida Rio Branco
Violência Doméstica
Homem é preso após enforcar a ex no bairro Guaicurus