Menu
sábado, 02 de março de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

A Nota Fiscal 4.0 e seus desafios

27 junho 2018 - 11h13Kamilla Marques

Quem trabalha com varejo ou está diretamente ligado ao ambiente contábil de uma empresa já deve estar se preparando para a chegada da Nota Fiscal 4.0, que passa a vigorar em julho deste ano. A mudança, que vai eliminar os modelos antigos, acontece porque a Secretaria da Fazenda altera a Nota Fiscal com o objetivo de melhorar a fiscalização e facilitar o dia a dia de quem a emite. Então, se você produz ou vende produtos, é preciso ficar atento às novas regras.

Faltando apenas dois meses para a migração, o que se percebe no mercado é que menos da metade das empresas varejistas aderiram à NF-e 4.0. Para os outros 70%, o tempo é curto e são necessárias medidas rápidas para se adequar à nova realidade.

Uma das principais mudanças da NF-e 4.0 é a adoção do protocolo TLS 1.2, ou superior, e a extinção do SSL, utilizado até agora. O novo protocolo vai permitir a adoção de um padrão de criptografia mais seguro para proteger a comunicação com a Secretaria da Fazenda.

Há também mudanças no layout e a inclusão de novas informações. Da versão 3.1 para a versão 4.0 foram incluídos alguns campos como o que permite rastrear produtos e acompanhar prazos de validade e recomendações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Outra mudança implementada na NF-e 4.0 é a indicação da forma de pagamento. Antes era preciso informar apenas se o pagamento era à vista ou a prazo. Na nova versão será necessário mencionar o meio de pagamento - dinheiro, cartão ou cheque - e ainda apontar se o consumidor esteve no estabelecimento comercial ou se a venda foi feita fora.

Como o arquivo XML da nota terá nova organização, é importante verificar se o sistema emissor da sua empresa está preparado para a mudança. Um sistema ERP confiável é o primeiro passo para evitar multas e prejudicar o crescimento de seu negócio. Se você ainda não tem, é hora de buscar uma empresa que ofereça um software adequado para acompanhar as mudanças e garantir a segurança exigida.

Lembre-se também de capacitar seus colaboradores para trabalharem com a NF-e 4.0. Não adianta ter o ERP atualizado se quem trabalha com ele desconhece as mudanças.

Não emitir nota fiscal e estar fora da conformidade da lei é fria para qualquer varejista, com riscos altíssimos de multa e prejuízos. Portanto, fique de olho e esteja preparado!

*Marco Aurélio Beltrame é Diretor Executivo das Unidades TOTVS Mato Grosso do Sul, TOTVS São José do Rio Preto e TOTVS Presidente Prudente.

Sobre a TOTVS

Provedora de soluções de negócios para empresas de todos os portes, atua com softwares de gestão, plataformas de produtividade e colaboração, hardware e consultoria, com liderança absoluta no mercado SMB na América Latina. Com mais de 50% de marketshare no Brasil, ocupa a 20ª posição de marca mais valiosa do país no ranking da Interbrand. A TOTVS está presente em 41 países com uma receita líquida de mais de R$ 2 bilhões. No Brasil, conta com 15 filiais, 52 franquias, 5 mil canais de distribuição e 10 centros de desenvolvimento. No exterior, conta com mais 7 filiais e 5 centros de desenvolvimento (Estados Unidos, México, China e Taiwan). Para mais informações, acesse o website www.totvs.com

Deixe seu Comentário

Leia Também

Benefício
Prefeito assina decreto que regulamenta aumento no plantão de profissionais da saúde
Imunização
Corumbá terá três postos de multivacinação neste sábado, 02 de março
Ranking
MS é destaque nacional na gestão de recursos federais e execução de projetos e convênios
Necessário
Recadastramento em programa do Governo que paga a conta de luz segue até 10 de maio
Campanha
Ladário expande vacinação contra dengue nas escolas da rede municipal
Evento
Corumbá sedia 3ª edição da Copa dos Campeões da Assomasul neste final de semana
Mudanças
Supremo derruba a regra sobre distribuição de sobras eleitorais em eleições proporcionais
Em processo
Reunião com novos diretores aborda habilitação de unidade de saúde exclusiva para presídios
Turismo ecológico
Encontro aborda aspectos da educação ambiental no turismo do Pantanal
Direito à saúde
DPU assegura que imigrantes sejam incluídos na fila de transplantes

Mais Lidas

10 vagas em MS
Inscrições estão abertas para concurso da Caixa com três vagas em Corumbá
Confirmado
Dupla sertaneja Henrique e Diego é a principal atração cultural do FIPEC 2024
Bombeiros
Acidentes de trânsito fazem quatro vítimas nesta manhã em Corumbá
27 vagas
Inscrições para concurso de professores da UFMS seguem abertas até 7 de março