Menu
domingo, 17 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

A mais de um ano da eleição, "clipe" pede volta André e Governo faz ofensiva com Riedel

21 agosto 2021 - 08h53Site O Jacaré

Ainda falta mais um ano para as eleições gerais de 2022, mas os pré-candidatos a governador estão, literalmente, com o bloco na rua em Mato Grosso do Sul. Um clipe bem produzido tenta alavancar a campanha do ex-governador do MDB com “volta André”. Já o Governo decidiu colocar Eduardo Riedel, pré-candidato do PSDB, para anunciar as ações e obras fora da sua pasta, que vai desde o fim do toque de recolher até concurso do magistério. 

Pela legislação eleitoral, ninguém pode fazer campanha nem pedir voto. No entanto, faltando pouco mais de um ano e um mês para o pleito, eleitores já circulam com adesivos até ostensivos, como Bolsonaro2022, em alusão à candidatura à reeleição do presidente da República. 

Deputado estadual, deputado federal, prefeito da Capital e governador por dois mandatos, André Puccinelli (MDB) deu a senha para o slogan da campanha em entrevista a sites, blogs, jornais e emissoras de rádio. Um vídeo produzido traz um grupo adesivando veículos com o pedido “#voltaandré”. Eleitores também pedem a volta do ex-governador para ter, entre outras coisas, mais segurança. 

Puccinelli não participa do clipe nem há menção ao MDB. O vídeo, distribuído nas redes sociais e nos grupos de aplicativos, substituiu o tradicional no “coração da gente” e o “amor, trabalho e fé” pelo “volta André”.
 


O PSDB também não dorme no ponto. Nos últimos dias, o secretário estadual de Infraestrutura, Eduardo Riedel, assumiu o lugar do governador Reinaldo Azambuja no Prosseguir (Programa de Segurança e Economia), que vem definindo as regras no combate à pandemia da covid-19. O pré-candidato anunciou o fim do toque de recolher a partir desta segunda-feira (23). 

Riedel também foi responsável pelo anúncio da abertura de concurso público para contratar 722 professores. Ele não só fez o anúncio, que caberia ao governador ou a secretária estadual de Educação, Maria Cecília Amendola da Motta, como se reuniu com a direção da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação) para discutir os pontos do certame. 

O pré-candidato tucano também foi um dos protagonistas do anúncio do pacote de obras alusivas ao aniversário de Campo Grande. A exposição faz parte da estratégia do PSDB de impulsionar a candidatura de Riedel, que segue no traço nas pesquisas de opinião. 

Secretário tem sido o principal porta-voz do governo para anunciar medidas que se quer fazem parte de sua pasta.Secretário tem sido o porta-voz do governo para anunciar ações e obras fora da sua pasta. Foto: Divulgação

Mais tímido, o PT apenas decidiu que terá candidato a governador em 2022. A sigla definiu dois nomes como prováveis pré-candidatos: Zeca do PT e o ex-prefeito de Mundo Novo, Humberto Amaducci. O ex-governador já defendeu aliança com o prefeito Marquinhos Trad (PSD) e até com Riedel. 

O retorno do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que não só recuperou os direitos políticos como passou a liderar as pesquisas da sucessão presidencial, animaram o ex-governador petista. No entanto, Zeca ainda estaria mais disposto a disputar uma vaga na Assembleia Legislativa do que enfrentar pela 4ª vez a disputa pela Governadoria. 

O PSL mantém a pré-candidatura da senadora Soraya Thronicke, a governadora em 2022, enquanto o Podemos aposta na filiação da deputada federal Rose Modesto, que deve deixar o PSDB. O ex-vereador Vinícius Siqueira (PROS) também cogita disputar a sucessão de Reinaldo. 

Em silêncio seguem dois nomes fortes: o juiz federal aposentado Odilon de Oliveira (sem partido) e o procurador de Justiça, Sérgio Harfouche, que disputou a última eleição pelo Avante. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Inédito
Tempestade de areia: Energisa recebeu 4 mil chamados em Campo Grande
Dia Mundial da Alimentação
Em MS, 69% da população está com excesso de peso e 36% com obesidade
Ensino Superior
UEMS investe mais de R$ 13 milhões em bolsas e auxílios para estudantes
Transporte
Expresso Queiroz tem autorização suspensa por incapacidade de atender passageiro
Defesa Civil
Tempestade de poeira e vendaval causaram estragos em pelo menos sete nos municípios
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá
Previsão Meteorológica
Tempo continua fechado com chance de mais chuva para grande parte do Estado
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas

Mais Lidas

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá