Menu
sexta, 18 de outubro de 2019
Campanha Viajar Andorinha - Saudade
Mobile - Campanha Viajar Andorinha - Saudade
Geral

Credenciamento para profissionais de saúde segue aberto na Santa Casa de Corumbá

04 julho 2019 - 10h15Assessoria de Comunicação da Associação Beneficente de Corumbá

O Ministério Público Federal (MPF) em Corumbá (MS) recomendou à junta administrativa da Santa Casa do município que tome providências relativas à contratação e remuneração dos médicos que prestam serviços ao hospital, com base nos princípios de isonomia, transparência e legalidade, dessa forma, o hospital divulgou uma nota à respeito do credenciamento dos profissionais.

Leia na íntegra:

"Por recomendação do Ministério Público Federal, publicado no dia 6 de fevereiro do presente ano, sob a inscrição de Inquérito Civil registrado com o número 1.21.004.000192/2017-95, e para dar transparência com a administração do dinheiro público, a Junta Administrativa Interventora da Associação Beneficente de Corumbá, promove desde o dia 22 de março o credenciamento de “Pessoas Jurídicas para prestação de serviços médico/hospitalares, exames, procedimentos e serviços profissionais com atuação direta ligada a cuidados dos pacientes com serviços a serem prestados na Associação Beneficente de Corumbá, do município de Corumbá/MS” (Edital).

O credenciamento segue o rito de transparência e isonomia por intermédio de publicidade de abertura em Diário Oficial do Município de Corumbá (DIOCORUMBÁ), Diário Oficial do Estado do Mato Grosso do Sul, e por fim, mas não menos importante, no Diário Oficial da União.

De acordo com a publicação do MPF em seu terceiro parágrafo:

“A recomendação visa assegurar que a forma de contratação do corpo médico do hospital atenda à continuidade dos serviços públicos essenciais, à transparência e eficiência no controle de recursos públicos, à assiduidade dos profissionais contratados, à qualidade dos serviços prestados e à isonomia e publicidade das contratações.”

(Assessoria de Comunicação Social do Ministério Público Federal de Mato Grosso do Sul | 6 de fevereiro de 2019 às 19h25 | http://www.mpf.mp.br/ms/sala-de-imprensa/noticias-ms).

Salienta-se que este procedimento visa atender além da recomendação do Ministério Público Federal, aos princípios e normas legais, que por consequência resultará na melhor prestação dos serviços de saúde à população de Corumbá, Ladário e municípios vizinhos da Bolívia, que são assistidos pelo único hospital que atende pelo SUS nesta região.

A Junta Administrativa Interventora da Associação Beneficente de Corumbá não mede esforços para administrar o complexo de saúde de forma transparente, respeitosa e humana."

Deixe seu Comentário

Leia Também

Ação Social
7ª edição do Povo das Águas vai atender ribeirinhos do baixo Pantanal
Reconhecimento
Festival América do Sul Pantanal traz homenagens a nomes corumbaenses
Agricultura
Com setembro mais seco, usinas aceleram moagem de cana-de-açúcar em MS
Cultura
Corumbá recebe mostra nacional e internacional de animação
Alerta
Audiência Pública alerta para obrigatoriedade do cadastramento biométrico em Corumbá e Ladário
Patriotismo
Governador sanciona lei de resgate ao civismo nas escolas
Mudança
Sancionada lei que contribui para consolidação da identidade sul-mato-grossense
Treinamento
Capacitação em Operações Penitenciárias no RJ preparam agentes da Agepen para situações de Alto Risco
Temperatura
Quinta com possibilidade de chuva e calor no Estado
Desrespeito
Ciclistas organizam protesto em posto onde 2 foram expulsos durante chuva

Mais Lidas

Evento
Corumbá Folia traz Matheus Kruz em véspera de feriado para Corumbá
Direito do Consumidor
Procon autua unidade da Smart Fit por recusar pagamentos em dinheiro
Violência
Vítima de assalto é socorrido com faca encravada nas costas
Desdobramentos
Arma utilizada em triplo homicídio é recuperada pela PM