Menu
terça, 21 de maio de 2019
Andorinha - Viaje para Campo Grande com a Andorinha
Andorinha - Viaje para Campo Grande com a Andorinha
Geral

Câmara autoriza início das conversações para renovação de concessão com a Sanesul

23 abril 2019 - 20h49Câmara de Corumbá

Com emendas e por unanimidade, a Câmara Municipal de Corumbá aprovou na sessão de ontem, segunda-feira, 22 de abril, o Projeto de Lei do Poder Executivo, autorizando a Prefeitura a iniciar negociações com o Estado de Mato Grosso do Sul, para a renovação da concessão dos serviços de água e esgoto com a Sanesul.

A proposta estava tramitando na Casa de Leis e foi aprovada pelos 13 vereadores presentes, após um amplo debate com a presença inclusive do prefeito Marcelo Iunes em uma das sessões do Legislativo, no dia 15 de abril, quando ele detalhou o Projeto de Lei os vereadores e público presente no plenário da Casa do Barão de Vila Maria.

Entre as emendas aditivas e modificativas aprovadas pelos vereadores e inseridas no Projeto de Lei, se destacam a taxa de esgoto que deverá  ter um percentual de até 50% do valor da tarifa da água; fim da cobrança da tarifa básica de consumo de água no sentido de que a população pague somente aquilo que realmente consumir, bem como a participação da Câmara na mesa de negociações com a Sanesul.

O vereador e presidente do Legislativo, Roberto Gomes Façanha, elogiou a postura adotada pelos vereadores que, antes da aprovação, debateram amplamente o tema, preocupados em atender os anseios da população.

Citou que a redução da taxa de esgoto foi uma unanimidade. “Hoje, a população paga 70% do valor da água. A renovação, com certeza, passará pela redução desse percentual. A emenda cita até 50%, mas vamos brigar para reduzir ainda mais”, anunciou.

“Além disso, vamos brigar por outras questões, como cobrar aquilo que realmente a população consome, com o fim da tarifa básica; investimentos na ampliação do sistema e água para toda a cidade, assim como nos distritos - Albuquerque e Porto Esperança, principalmente; apoio financeiro ao nosso hospital, inclusive com a isenção da dívida da Sociedade Beneficente Corumbaense com a Sanesul, e até com a dívida do Município”, acentuou.

Façanha observou ainda que a presença do prefeito Marcelo Iunes na sessão do dia 15 de abril, foi de extrema importância. “Trata-se de um assunto de relevância, principalmente para a nossa população. Por isso fiz questão de convidar o prefeito para que ele pudesse detalhar o processo, antes da votação final”, lembrou.

Para ele, a explanação do prefeito pesou na votação da matéria. “Ele relatou sobre redução da taxa do esgoto, sobre os investimentos que a Sanesul fará na cidade, inclusive por meio de subvenção social, assim como sobre o início das conversas para anistia da dívida do Hospital e do Município”, disse, lembrando pelo plano de investimento da empresa no período de 30 anos, a previsão é aplicar cerca de R$ 120 milhões (R$ 4 milhões por ano).

“A municipalização seria praticamente impossível. Difícil pagar uma dívida com a Sanesul que chega a R$ 60 milhões – R$ 40 milhões do hospital e R$ 20 milhões do Município. Diante dessa situação, temos que sentar, debater amplamente e buscar o que é melhor para a população, para Corumbá. E é isso que vamos fazer”, completou.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saneamento
Audiência pública vai debater contrato de concessão dos serviços de água e esgoto
Geral
Corumbá recebe coordenação do Programa Prefeito Amigo da Criança
Cidade
LGBT em Foco discute “Homofobia, Transfobia e Lesbofobia” nesta 2ª feira
Espaço saudável
Vereador sugere parceria para construção de parques infantis na cidade
Agricultura
Produtores de MS são conscientes da importância do vazio sanitário e Calendário de plantio
Ação Social
Ação mobilizou multidão no Centro Popular Nação Guató
Justiça
Ministério da Justiça prorroga presença da Força Nacional na fronteira
Resgatar Créditos
Tribunal de Contas pede prorrogação de Refis
Operação
Garras e Choque apreendem arsenal em residência
Eleição 2020
Câmara reforça obrigatoriedade da revisão eleitoral e cadastramento biométrico

Mais Lidas

Justiça
Ministério da Justiça prorroga presença da Força Nacional na fronteira
Espaço saudável
Vereador sugere parceria para construção de parques infantis na cidade
Agricultura
Produtores de MS são conscientes da importância do vazio sanitário e Calendário de plantio
Política
Governador Reinaldo Azambuja vai à Brasília para debater diretrizes do FCO