Andorinha - Novos ônibus -Campanha 2

Valdir Gomes o Imperador nos sessenta anos do Império do Morro fez desfile para ganhar

Por sandro asseff13 FEV 2018 - 03h09min
império cantou história da escola (Foto: Gisele Ribeiro)

A mais premiada do carnaval de Corumbá, Império do Morro mesclou seus 60 anos de história, com a homenagem ao campeão dos campeões dos desfiles de fantasias do Corumbaense. Valdir Gomes.  o imperador da passarela, apresentou a Império do Morro nos seus 60 anos de glórias.

Desfilou com  cerca de 1.100 pessoas, em dezessete alas e cinco carros alegóricos, assinados pelo carnavalesco Kiro Panovitch . Já  Joilson da Cruz foi  o responsável pela comissão de frente.

Sob a batuta do mestre Ninho, a bateria contou com cento e cinquenta ritmistas e a presença marcante da rainha de bateria Lulicinha Victório.

O samba-enredo foi composto por Wander Timbalada e Montebello. Esse primeiro que também é o interprete oficial da escola adentrou na avenida cantando o refrão de exaltação ao Império e ao Imperador.

“Hoje a Império do Morro vem celebrar

60 anos de história em Corumbá

Com Valdir Gomes campeão da passarela

Vou cantar e sambar que a noite é bela”.

Com plumas, rosas de tecido, esculturas, muitas brilho e acima de tudo acabamento, a Império do Morro fez desfile de grande campeã em 2018. Sagrou-se na avenida e na ótica do Capital do Pantanal a melhor escola que passou pela passarela do samba nas duas noites.

Agora é aguardar a abertura dos envelopes com as notas do corpo de jurados oficial. Que vença a melhor e que ganha é o carnaval de Corumbá.

 

 

Deixe seu comentário

Leia Também

Turismo

GOL terá voos extras em Campo Grande na alta temporada

Policial

Homem é encontrado morto em casa no Popular Velha

Doação

MPT destina veículo para vistoria de imóveis pertencentes à União

Acidente

Homem fica ferido ao cair de telhado de quatro metros durante chuva

Temporal

Bombeiros cortam árvores que impedia tráfego no Urucum

Homicídio

Homem de 23 anos é assassinado a facadas após briga

Feapan

Cavalo pantaneiro tem noite de gala