Menu
domingo, 29 de março de 2020
Andorinha - Horários Econômicos - CorumbáXCampo Grande - Março
Andorinha_Horários Econômicos_CorumbáXCampo Grande_Março
Geral

Refis: empresas podem conseguir até 95% de desconto sobre juros e multas

24 janeiro 2020 - 09h45Diana Gaúna do Portal do MS

Os empresários que possuem débitos com o Governo do Estado, com fatos geradores ocorridos até 31 de dezembro de 2018 e querem se regularizar com o fisco, podem receber até 95% de desconto sobre juros e multas. Para tanto basta aderir ao Programa de Recuperação de Créditos Fiscais (Refis) do ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços).

Conforme o secretário Estadual de Fazenda, Felipe Mattos, a expectativa de arrecadação em ICMS com o Refis está entre R$ 40 milhões e R$ 50 milhões. “Podem participar contribuintes que tenham fatos geradores até 31 de dezembro de 2018, ou seja, débitos referentes a 2019 não entram no Refis”, reforça o secretário.

Os interessados devem procurar a Agência Fazendária (Agenfa) mais próxima ou acessar o site da Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz-MS). Já os contribuintes com débitos inscritos em Dívida Ativa, ou seja, que já foram ajuizados, deverão se dirigir à Procuradoria-Geral do Estado (PGE).

Do total, 25% do valor arrecadado será repartido com os municípios, obedecendo o critério do Índice de Participação dos Municípios (IPM). Estar em dia com o fisco permite que, além de regularização tributária, os contribuintes participem de licitações, processos de compra do Governo e tenham certidão negativa em relação aos débitos de competência estadual.

Formas de pagamento

Os débitos podem ser pagos em três formas diferentes. A primeira delas à vista, em parcela única, com redução de 95% das multas, punitivas ou moratórias, e de 80% dos juros de mora correspondentes.

A segunda é com duas ou até 60 parcelas, com redução de 80% das multas, punitivas ou moratórias, e de 60% dos juros de mora correspondentes – desde que a parcela tenha o valor mínimo de 10 UFERMS e não seja inferior a 5% do crédito tributário.

O terceiro e último formato para adesão é para grandes devedores, que podem fazer o pagamento dos débitos em até 90 ou 120 parcelas (a depender do valor) e com desconto de 80% sobre multas e 60% sobre juros.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Denúncia
Vítima de crime cibernético vereador mais uma vez aciona a justiça
28 casos em MS
Jovem de 21 anos é o segundo caso de coronavírus em Dourados
Fiscalização
MPT recebe mais de 2.400 denúncias de violações trabalhistas relacionadas à Covid-19
Contribuição
Mais R$ 75 mil em recursos trabalhistas são transferidos para contenção da Covid-19 em MS
Com esse aporte, reversão de valores para aquisição de equipamentos chega a quase R$ 200 mil em menos de uma semana. No país, passou de R$ 61 milhões
De Corumbá para as passarelas
Ganhador do ‘Garoto Corumbá 2020’ pode virar modelo nacional
Cidade
Bairro do centro e Aeroporto podem ficar sem água neste sábado
Prêmio
Segundo sorteio do Programa Nota Premiada acontece neste sábado (28)
Alimento na mesa
Mais de 4 mil famílias em Corumbá receberão kit mernda escolar
Política
Justiça proíbe Bolsonaro de adotar medidas contra isolamento
Política
MS conquista suspensão da dívida com União por seis meses

Mais Lidas

De Corumbá para as passarelas
Ganhador do ‘Garoto Corumbá 2020’ pode virar modelo nacional
Denúncia
Vítima de crime cibernético vereador mais uma vez aciona a justiça
28 casos em MS
Jovem de 21 anos é o segundo caso de coronavírus em Dourados
Fiscalização
MPT recebe mais de 2.400 denúncias de violações trabalhistas relacionadas à Covid-19