Micareta

Maior restituição da história deve aquecer economia de MS no Dia dos Pais

Por Kamilla Marques11 JUL 2018 - 08h16min

A partir de 16 de julho, segunda-feira, a Receita Federal deposita nas contas de 51.547 contribuintes de Mato Grosso do Sul o segundo lote de restituições do Imposto de Renda Pessoa Física de 2018, que totaliza R$ 84.322.136,01 , o maior volume da história. Uma injeção importante de recursos na economia em período estratégico e que pode contribuir para as vendas do Dia dos Pais.

“No primeiro lote, em junho, já tivemos R$ 60 milhões e agora o maior volume que volta para a economia, um montante extremamente expressivo que pode se converter em pagamento de contas em atraso – a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor tem mostrado aumento do número de pessoas com contas em atraso –  e também dar fôlego ao comércio, estimulando as vendas de Dia dos Pais”,  diz o presidente do IPF-MS (Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento Econômico da Fecomércio-MS), Edison Araújo.

O recurso vem em hora estratégica, considerando que o segundo semestre se iniciou instável como reflexo da greve dos caminhoneiros e aproximação do período eleitoral.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet (http://idg.receita.fazenda.gov.br), ou ligar para o Receitafone 146.

Deixe seu comentário

Leia Também

Educação

Prefeitura implanta creches em período regular e amplia número de vagas

Dia do Auditor Fiscal

Auditores Fiscais da Receita Municipal são homenageados pela Câmara

Concurso

Governo divulga resultado da prova de digitação do concurso da Polícia Civil

Cidade

Vereador pede solução para problema de vazamento no Porto Geral

Economia

Dia das Crianças deve movimentar R$ 130 milhões em MS

Esportes

APEF de Corumbá enfrenta a APEF de Aquidauana

Policial

Homem é preso depois de bater em ex-mulher