Menu
domingo, 21 de julho de 2019
Andorinha - Viaje para Campo Grande com a Andorinha
Mobile Andorinha
Geral

Governo do Estado entrega obras e leva mais saneamento a Corumbá

09 julho 2019 - 14h48Assessoria de imprensa

O Governo do Estado, por meio da Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul), inaugurou na manhã desta terça-feira (09) as obras de ampliação do sistema de abastecimento de água e de esgotamento sanitário no município de Corumbá. As obras foram feitas com recurso federal e próprio, no valor de R$ 60,4 milhões.

 A entrega oficial contou com a presença do governador do Estado em exercício, Paschoal Carmello Leandro, presidente do Tribunal de Justiça de MS; Walter Carneiro Junior, diretor-presidente da Sanesul; Marcelo Lunes, Prefeito de Corumbá; vereadores; autoridades estaduais e locais; moradores e funcionários da Sanesul.

Entre as obras entregues estão dois reservatórios que, juntos, possuem capacidade de reservar cinco milhões de litros de água; 48km de rede de distribuição de água; 1.830 ligações domiciliares de água e 1.364 metros de adutoras (tubulação que leva água da captação da Sanesul no Rio Paraguai até os reservatórios).

"Vivemos um momento histórico em Corumbá. A Sanesul entrega um grande projeto hoje, buscando resolver um problema de abastecimento na parte alta da cidade. A empresa está trabalhando muito, e mesmo com todos os problemas que enfrentamos, estamos conseguindo expandir a rede do abastecimento de água e também da coleta do esgoto.

Diretor-presidente da Sanesul destacou importância das obras

O governo do Estado tem um compromisso com Corumbá, município que recentemente renovou a concessão dos serviços de saneamento com a Sanesul, e ele sabe da sua responsabilidade em oferecer um serviço de qualidade para a população. Em nome da Sanesul eu agradeço a Prefeitura e a Câmara de Vereadores, pela confiança e a sensibilidade de convalidar o nosso projeto por mais 30 anos", comentou o diretor-presidente Walter Carneiro Junior.

Já na parte de esgotamento sanitário, também foi inaugurado um conjunto de obras, contemplando, por exemplo, 61,8 km de rede coletora de esgoto e 4.181 ligações domiciliares de esgoto, que beneficiam os Bairros Centro América, Popular Nova, Popular Velha, Nova Corumbá, Cristo Redentor, Monte Castelo e Nossa Senhora de Fátima.

Para finalizar, foi entregue também uma inovação tecnológica no Distrito de Albuquerque. A Sanesul fez a implantação de um sistema chamado osmose reversa, que é uma técnica utilizada para retirar a concentração de sal da água.

Todo esse investimento em saneamento básico no Município de Corumbá foi realizado com recurso federal e próprio, no valor de R$60,4 milhões.

O governador do Estado em exercício, Paschoal Carmello Leandro, comentou sobre os investimentos na área de saneamento. "Mesmo com as dificuldades econômicas, a administração do Estado se preocupa com o desenvolvimento de Mato Grosso do Sul. Estou muito feliz de estar aqui hoje, na minha cidade, participando desse momento”, disse.

Deixe seu Comentário

Leia Também

'Adoção'
Comunidade palestina corumbaense é homenageada com denominação de praça
Tempo
Sexta-feira será de calor de 33°C e pancadas de chuva isoladas em MS
Geral
Prefeitura e equipe do Fonplata avaliam execução do projeto em Corumbá
Geral
Trotes para números de emergência colocam vidas em risco e causam prejuízos aos cofres públicos
Policial
Criança de 9 anos era estuprada e obrigada a enviar fotos nuas para amigo da família
Geral
Empossados novos membros do Conselho Municipal da Juventude de Corumbá
Geral
Incêndio em depósito clandestino de materiais recicláveis mobiliza bombeiros
Geral
Ladário Participa de Feira de Sementes Crioulas no Sul do Estado
Economia
Abono do PIS/Pasep começa a ser pago na próxima quinta-feira
Mistério
Piloto desaparece ao sair de Poconé (MT) para fazer serviço em Corumbá

Mais Lidas

'Adoção'
Comunidade palestina corumbaense é homenageada com denominação de praça
Tempo
Sexta-feira será de calor de 33°C e pancadas de chuva isoladas em MS
Geral
Prefeitura e equipe do Fonplata avaliam execução do projeto em Corumbá
Geral
Trotes para números de emergência colocam vidas em risco e causam prejuízos aos cofres públicos