Menu
quarta, 03 de março de 2021
Governo do Estado - Campanha de Março
Geral

Vírus da gripe já matou sete pessoas em Mato Grosso do Sul neste ano

11 maio 2018 - 08h49Midiamax

Sete pessoas morreram devido aos vírus da gripe H3N2 e Influenza A em Mato Grosso do Sul, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado nesta quinta-feira (10) pela SES (Secretaria de Estado e Saúde).

Cinco casos de óbitos são referentes ao vírus H3N2 e dois de Influenza A. Cinco mortes devido ao H3N2 ocorreram em Aquidauana (1 caso), Campo Grande (3 casos) e Naviraí (1 caso). Os dois casos de Influenza A foram em Chapadão do Sul e Três Lagoas.

Ainda segundo o boletim, as pessoas vítimas do vírus tinham mais de 60 anos, alguma patologia ou fatores de risco propensos a doenças.

Além disso, dois casos de mortes, supostamente causados pelo Influenza A em Campo Grande estão sob investigação. De acordo com a SES, 2018 já superou os casos de mortes causados por gripe em 2017, onde 6 pessoas morreram.

A secretaria alerta para os sintomas da gripe, causada pelo vírus influenza, que são: febre, tosse, dor de garganta, dores no corpo e mal estar. As complicações mais comuns são pneumonias e demais dificuldades respiratórias.

A SES também alerta que o medicamento utilizado para combater o vírus da influenza, Tamiflu (Oseltamivir), está disponível em todo o Estado gratuitamente.

A campanha contra a gripe iniciou-se no último dia 1° de junho, sendo que no próximo sábado,  dia 12 de maio, será realizado o “Dia de Mobilização Nacional – Dia D”.

As pessoas que podem vacinar são crianças de seis meses a cinco anos, professores, indígenas, gestantes, profissionais da saúde, pessoas com 60 anos ou mais, jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, detentos e funcionários do sistema prisional, além de pessoas que têm doenças crônicas, como diabetes e hipertensão. A meta em Mato Grosso do Sul é o de imunizar pelo menos 90% desse público.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Idosos de 77 anos já podem se vacinar contra a Covid-19
SAÚDE
Anvisa diz que vacinas usadas no Brasil são seguras
POLÍTICA
André e Rose lideram 1ª pesquisa para o Governo em eleição 2022
COVID-19
Vereador propõe penalidades para quem não cumprir a ordem de vacinação dos grupos prioritários
CONCURSO PÚBLICO
Técnicos de Enfermagem são convocados em processos seletivos da Funsau
GERAL
PMA realiza trabalhos de orientação sobre minhocas em casas de iscas no MS
INFRAÇÃO ADMINISTRATIVA
PMA autua morador de Corumbá por transporte ilegal de pescado
BANDA LARGA
Vereador pede relatório da OI sobre período de interrupção do sinal de Internet na cidade
DESAPARECIMENTO
Continuam buscas por homem desaparecido na região do Paiaguás
TEMPO
Nesta quarta variação da temperatura fica entre 23°C a 31°C em Corumbá

Mais Lidas

OPORTUNIDADE
IEL oferece vagas de estágio para Corumbá e mais 5 cidades do Estado
POLICIAL
PM prende irmãs após briga no Popular Nova
POLICIAL
Após briga mulheres são presas no bairro Aeroporto
EDUCAÇÃO
Vereadores aprovam projeto do Executivo que atende professor temporário na Reme