Menu
domingo, 17 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Vereadora cobra maior segurança no trânsito da BR-262, dentro da área urbana de Corumbá

29 junho 2021 - 11h08ASCOM Vereador

A instalação de equipamentos necessários para garantir maior segurança no trânsito em trecho da BR-262, dentro da área urbana de Corumbá, é o que está cobrando a vereadora Raquel Bryk, como forma de reduzir a alta incidência de acidentes, inclusive com vítimas fatais, em toda a extensão do chamado Anel Viário.

Durante sessão ordinária da Câmara, a vereadora apresentou requerimento endereçado ao superintendente regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Euro Nunes Varanis Junior, com cópia ao diretor da Agência Municipal de Trânsito e Transporte (Agetrat), Paulo André de Araújo Junior, solicitando realização de estudos neste sentido.

Ela explicou que é necessária a implantação de equipamentos de segurança como redutor de velocidade, câmeras de monitoramento, posto móvel ou imóvel de fiscalização, para reforçar a sinalização do perímetro de circulação de veículos do trecho urbano da BR-262, na parte alta de Corumbá.

“Isso é preciso para garantirmos maior segurança aos pedestres, especialmente às crianças e idosos, como também dos animais, com o objetivo de acabar de uma vez por todas com os acidentes naquela região”, ressaltou.

Ela lembrou inclusive locais considerados perigosos como o trecho da Rua 21 de Setembro, no Bairro Jardim dos Estados, entre da Rua Santa Catarina até a Escola Municipal Almirante Tamandaré, região onde, mesmo com placas de sinalização, os veículos trafegam em alta velocidade.

“São acidentes que já causaram lesões gravíssimas nos envolvidos, prejuízos materiais e financeiros em decorrência de invasão de veículos nas residências e além das inúmeras vítimas fatais”, ressaltou.

“Muitos moradores estão denunciando que a região tem se tornado um verdadeiro pesadelo com constantes rachas e exibições de manobras arriscadas por motoqueiros, e perturbação do sossego com equipamentos de som em veículos, especialmente nos fins de semana e mesmo com decretos de toque de recolher”, observou.

FISCALIZAÇÃO

Raquel Bryk está também reivindicando junto ao deputado estadual Evander Vendramini e ao superintendente regional da Polícia Rodoviária no Mato Grosso do Sul, Luiz Alexandre Gomes da Silva, uma fiscalização mais efetiva na BR 262, trecho entre o Trevo do MENCK e o perímetro urbano de Corumbá, no sentido de evitar que as carretas que transportam minério transitem sem lona em sua carroceria.

Explicou que existem muitas reclamações de motoristas que tiveram seus para-brisas quebrados por estes fragmentos que escapam das carrocerias, e que isso acontece com maior frequência neste trecho, justamente pelo fato de que os caminhões estão com a carga coberta por lona. Destacou que essa infração pode causar acidentes mais graves na rodovia.

FERIADO MUNICIPAL

Por outro lado, a vereadora apresentou uma Emenda Substitutiva ao artigo 1º da Lei Municipal nº 0985 de 15 de outubro de 1.987 (alterado pela Lei Municipal nº. 2.533, de 29 de abril de 2016), no sentido de considerar o dia 24 de junho, feriado municipal pelo Dia de São João Batista, o Santo Festeiro do “Arraial do Banho de São João” em Corumbá, reconhecido como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil

Em sua justificativa, observou que o dia 24 de junho é uma data tradicionalmente atribuída ao nascimento de João Batista, comemorado anualmente em todo território nacional como o Dia de São João, reconhecido como o "Santo Festeiro” e com a realização das conhecidas Festas Juninas, marcadas por danças, pratos típicos e brincadeiras.

“Contudo, na região pantaneira, Corumbá e Ladário, além dos festejos juninos típicos, acontecem cultos, rezas e terços ao São João Batista, e também celebrações religiosas ao Orixá Xangô. Por meio da fé os festejos reúnem símbolos religiosos, decoração de altares e andores, queima de fogueiras e realização de oferendas”, citou.

“Na passagem dos dias 23 para 24 de junho, a população da região desce ao Rio Paraguai para realizar, assistir e participar do tradicional Banho de São João. O Banho de São João é uma importante celebração que compõem a identidade cultural do estado do Mato Grosso do Sul e que, em 19 de maio de 2021, foi reconhecido pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), por unanimidade, como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil, sendo inscrito no Livro de Registro das Celebrações”, continuou em sua justificativa ao propor o Dia de São João, como o quarto Feriado Municipal de Corumbá, em acordo com a Lei Federal nº 9.093, de 12 de setembro de 1995, que dispõe sobre feriados no Brasil.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Inédito
Tempestade de areia: Energisa recebeu 4 mil chamados em Campo Grande
Dia Mundial da Alimentação
Em MS, 69% da população está com excesso de peso e 36% com obesidade
Ensino Superior
UEMS investe mais de R$ 13 milhões em bolsas e auxílios para estudantes
Transporte
Expresso Queiroz tem autorização suspensa por incapacidade de atender passageiro
Defesa Civil
Tempestade de poeira e vendaval causaram estragos em pelo menos sete nos municípios
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá
Previsão Meteorológica
Tempo continua fechado com chance de mais chuva para grande parte do Estado
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas

Mais Lidas

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá