Menu
segunda, 20 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Vale inicia nova parceria na região com o projeto Ciclo de Saúde Pantanal

05 maio 2021 - 10h03ASCOM Câmara

A Vale S.A. inicia ainda neste semestre, nova parceria com Corumbá e Ladário, para capacitar equipes das Unidades Básicas de Saúde dos dois municípios, inclusive com doações de equipamentos para melhor atender a população pantaneira.

A informação partiu do Rodrigo Viana Mello, Relações Institucionais e Governamentais da mineradora, durante encontro na noite de ontem, terça-feira, 04, com vereadores corumbaenses, na Câmara Municipal de Corumbá.

Rodrigo fez uma visita aos vereadores para entregar o relatório das atividades da Vale na região pantaneira, o Vale + Mato Grosso do Sul 2020, um livro contendo o balanço anual da mineradora na região, durante o ano passado.

A convite do presidente do Legislativo, vereador Roberto Façanha, ele fez uso da palavra no Plenário da Câmara e, além de relatar as realizações de 2020, “um ano desafiador por conta da Covid-19”, anunciou projetos já em andamento para 2021 que vão refletir diretamente na população pantaneira, onde reforça o compromisso de firmar um novo pacto com a sociedade de Corumbá e Ladário, contribuindo com o desenvolvimento da região. Acrescentou ainda que a atividade mineral da Vale é significativa no recolhimento de tributos.

CICLO DE SAÚDE PANTANAL

Um dos projetos é o Ciclo de Saúde Pantanal. Rodrigo adiantou que, ainda durante esse semestre, a empresa reforça a parceria com Corumbá e Ladário, colocando em prática uma ação que vai permitir treinar e capacitar equipes de saúde de 10 UBS da Cidade Branca, e seis da Pérola do Pantanal, inclusive com doações de equipamentos importantes para que os profissionais possam bem atender a comunidade pantaneira.

Além disso, a empresa dará continuidade aos programas  denominados de Rota de Redes Literárias e o Crescer sem violência voltados para o setor educacional das duas cidades pantaneiras, além do Agir Pantanal, todos realizados pela Fundação Vale.

COVID – 19

Em relação ao balanço de 2020, Rodrigo acrescentou que a Vale reforçou ainda mais a parceria com a região, diante da pandemia da Covid-19, que exigiu esforços redobrados para superar todos os problemas.

“Foi um ano desafiador, mas a Vale não mediu esforços para ajudar a região de Corumbá e Ladário”, lembrou. Exemplo disso foram os cerca de R$ 9 milhões doados ao Município para que a Santa Casa pudesse ter estrutura e equipe adequada para tratar pacientes com Covid – 19. Citou os oito respiradores entregues ao hospital em um momento crítico da pandemia; doação de álcool em gel, máscaras, óculos e até a testagem de pessoas para detecção do vírus, entre outros.

LOGÍSTICA

Mello lembrou ainda outros problemas enfrentados durante o ano de 2020, e o principal dele está relacionado à logística. As dificuldades para o transporte da produção foi o principal entrave, devido à seca do Rio Paraguai, que impediu o escoamento pela hidrovia.

A alternativa encontrada para chegar aos grandes centros e ao Oceano Atlântico foi a rodovia, a BR 262. Esse modal requereu alinhamentos com os Municípios, com Estado, bem como com o Governo Federal (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes - Dnit) e PRF, para juntos buscarem alternativas para a logística.

Mas, a preocupação da mineradora continua. A previsão é de nova seca no Pantanal, podendo tornar inviável o transporte do minério pela hidrovia, e a alternativa, mais uma vez poderá ser a rodovia, aumentando os custos das viagens até São Paulo, Rio, dentre outros, para que o minério chegue ao maior centro consumidor, ou seja, mercado interno e externo.

A melhor alternativa apontada por Rodrigo é a ferrovia. Mas, a região, atualmente não possui condições para a escoar produção pela ferrovia de forma adequada, onde o custo é bem menor que a rodovia.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Prorrogação
Detran-MS amplia prazos e CNHs vencidas podem ser renovadas até 2022
Campanha
Corumbá abre Semana Nacional do Trânsito; atividades vão até dia 24
Prevenção
Campanha antirrábica deve vacinar 30 mil cães e gatos
Há cinco dias
Falta de água no bairro Popular Velha revolta moradores
Denúncia
Bar é fechado e proprietário é multado em R$ 5 mil por poluição sonora
Oportunidade
Senac Corumbá abre inscrições para cursos na área da saúde
Pesquisa
Dia das Crianças deve movimentar R$ 135 milhões na economia de MS
Fronteira
Mulher presa com "cinturão de cocaína" receberia R$ 1.500 pela travessia
Calendário
Proprietário de veículos com placas final 9 devem quitar licenciamento até 30 de setembro
Leilão
Detran-MS abre visitação de 83 lotes disponíveis para desmontagem

Mais Lidas

Balanço
Em três dias, operação Fronteiras e Divisas apreendeu R$ 12 milhões em drogas
Preconceito não!
Jogo da Diversidade acontece hoje com cobertura ao vivo do Capital do Pantanal
Flagrante na fronteira
PMA desmonta acampamento mas caçadores escapam para o Paraguai
Alerta
Com umidade do ar registrando 10%, cidades de MS voltam a ficar em alerta