Menu
terça, 22 de junho de 2021
Assembleia de MS - Campanha Mãos - Junho
Andorinha - Maio
Geral

Sinpol protocola ofício pela revisão da reforma previdenciária

03 fevereiro 2021 - 14h28Da Redação

Na tarde desta segunda-feira (1), o presidente do Sinpol, Giancarlo Miranda e o diretor administrativo, Alessandro Jacometo, participaram de uma reunião do Fórum dos Servidores Públicos Estaduais para discutir medidas frente ao aumento do desconto em folha imposto pela reforma previdenciária, em vigor a partir deste mês.

O presidente do Sintss/MS e coordenador do Fórum, Ricardo Bueno, destacou que a Lei foi aprovada em maio do ano passado, de forma covarde, em um momento em que não poderia haver mobilização sindical em função da pandemia. “Fizemos a luta virtual, mas não fomos atendidos pela Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul”.

Justamente nesta época de pandemia em que os servidores mais precisam, o desconto deve impor dificuldades no orçamento familiar de várias famílias, especialmente dos aposentados por invalidez.  Para os servidores públicos ativos, o desconto é de 14% sobre o total dos subsídios, e para os aposentados de 14% sobre valores que ultrapassarem o salário mínimo.

Diante deste cenário, nesta quarta-feira (3), o Fórum vai protocolar junto à Assembleia Legislativa de MS, um ofício dirigido ao presidente da Casa, deputado Paulo Corrêa, pedindo a abertura de canal para diálogo, de forma que os servidores sejam ouvidos e não somente o governo. Para Giancarlo Miranda, já está provado que em outros estados, como o MT, por exemplo, que é possível fazer diferente e diminuir o impacto na folha do trabalhador. “Fizemos o possível para barrar esse desconto, ingressamos com ação judicial que está Cobrapol, aguardando julgamento do mérito; estivemos na Assembleia Legislativa, protestando e pedindo apoio dos deputados; fizemos em meio a uma pandemia até mesmo uma carreata, buscando sensibilizar a sociedade e deputados sobre a nocividade desta medida, em meio a uma crise sanitária sem precedentes", declarou.

O Sinpol deve ingressar com mais uma medida judicial, desta feita, para reverter a cobrança dos aposentados por invalidez.

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Sedhast realiza evento on-line com foco nos refugiados, migrantes e apátridas em MS
POLICIAL
PRF apreende 450.000 maços de cigarros em MS
ECONOMIA
Custos de produção de frangos aumentam quase 20% entre janeiro e maio
POLICIAL
Polícia Militar Ambiental de Corumbá autua infrator em R$ 5 mil por incêndio em terreno
GERAL
Sanesul informa interrupção no fornecimento de água em Ladário
PROJETO DE LEI
Vereadora prega conscientização sobre a menstruação e distribuição de absorventes higiênicos
ECONOMIA
Auxílio emergencial: nascidos em abril podem sacar 3ª parcela
NA PANDEMIA
Feiras livres como atividades essenciais é o que pede vereador na Câmara
ECONOMIA
Copom: Inflação persiste, mas economia evolui mais que o esperado
SAÚDE
Brasil antecipou mais de 16 milhões de doses de vacinas, diz Queiroga

Mais Lidas

ATROPELAMENTO
Mulher é vítima de atropelamento e fica gravemente ferida
POLICIAL
Polícia Militar de Corumbá prende homem por disparo de arma de fogo
POLICIAL
Homem é preso por assédio contra criança no Conjunto Guatós
GERAL
Processo Seletivo para contratação de Analista de Medidas Socioeducativas está com inscrições aberta