Menu
domingo, 17 de janeiro de 2021
Andorinha - campanha dezembro
Andorinha - Dezembro
Geral

Sindivest reúne empresários para apresentar sistema de controle de produção na confecção

20 julho 2018 - 08h57Kamilla Marques

Com o objetivo de fortalecer a indústria do vestuário de Mato Grosso do Sul e garantir sua competitividade, o Sindivest/MS (Sindicato Intermunicipal das Indústrias do Vestuário, Tecelagem e Fiação de Mato Grosso do Sul) reuniu, nesta quinta-feira (19/07), na Incubadora Sindical da Fiems, em Campo Grande (MS), os empresários do segmento para uma apresentação sobre o Sistema de Controle de Produção para Confecções Vestillo, baseado em uma metodologia que visa tempo padrão, chão de fábrica, cupom de produção, eficiência e produtividade.

Segundo o presidente do Sindivest/MS, José Francisco Veloso Ribeiro, a Indústria 4.0 já é uma realidade e as empresas precisam se atualizar com relação às novas tecnologias. “Por isso, os sindicatos do segmento do vestuário no Estado têm se empenhado para buscar novos produtos e serviços para as indústrias do Estado. A proposta hoje é apresentar um software de gestão que apresenta resultados práticos para a empresa, gerando economia nesse ambiente de negócios digitais”, afirmou.

Na avaliação do gerente do Senai Empresa, Thales Maurício Fernandes Saad, qualquer ferramenta que venha para agregar valor aos negócios é bem-vinda. “Gestão hoje em dia é um diferencial com relação à sobrevivência e crescimento no mercado, então é inevitável que as empresas busquem ferramentas tecnológicas para ter um melhor controle de produção e, consequentemente, melhorar a competitividade”, salientou.

O diretor-comercial da Vestillo, Kleber Tavares, explicou que a ideia é mostrar aos empresários de Mato Grosso do Sul uma solução, que hoje já está implantada há 15 anos no polo de Nova Friburgo (RJ) e é bem diferenciada no que diz respeito a controle de processos produtivos visando à área de confecção. “Nosso diferencial é o tempo padrão, que substitui o critério da cronoanálise e cronometragem porque já temos um banco de dados padrão. Estudamos a indústria e determinamos o tempo padrão. Nós garantimos que o empresário terá duas opções: em uma confecção de dez costureiras ele pode ter a mesma produtividade com nove ou ter as dez costureiras e aumentar a produtividade, ou seja, ele vai economizar de qualquer jeito”, detalhou.

Para o empresário Cláudio Salomão, da Íris Compressiva, o sistema traz a vantagem de conhecer os custos do processo seletivo. “Isso é fundamental para você saber o seu custo de produção e o custo que deve ter o produto final na hora de vender para o seu cliente e faz toda a diferença para a indústria. Hoje nós vemos muitas empresas que vendem muito, mas não tem parâmetros para saber quanto custou essa produção e acabam perdendo dinheiro”, comentou.

Já o empresário Antonio Morgado Ferreira, da Ki Bela, as indústrias precisam buscar cada vez mais se atualizar e buscar ferramentas tecnológicas que auxiliem no seu processo produtivo. “Eu acho que um sistema como o que foi apresentado aqui hoje é muito importante para as indústrias de modo geral. Já estou buscando um software nesse sentido que me dê mais controle da minha produção e acho que o Sindivest/MS trouxe para nós, do segmento do vestuário, uma boa proposta”, finalizou. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
EMPREGO
Eldorado Brasil oferece mais de 800 vagas para início imediato
Em Mato Grosso do Sul, são ofertadas novas posições para atuar nas unidades de Água Clara, Inocência e Selvíria
Coronavírus
Em 24 horas MS registra 1.316 exames positivos de Covid-19 e 13 mortes
CONCURSO DA PF
Polícia Federal publica edital de concurso com 1,5 mil vagas
POLICIAL
Com facada no coração, rapaz é deixado em frente padaria em cidade MS
SERVIÇOS
Em período chuvoso, saiba como receber alertas da Defesa Civil por SMS
PROCESSO SELETIVO
Sebrae abre processos seletivos com vagas na Capital e interior
São dois editais, sendo um para Pessoas com Deficiência. Salários chegam a R$ 4.802,92
ASSISTÊNCIA SOCIAL
Povo das Águas atende ribeirinhos da parte alta do rio Paraguai a partir do dia 19
TURISMO
Turismo de MS espera vacinação e já planeja duas campanhas para fomentar o setor
SAÚDE
Decreto reabre crédito de R$ 1,6 bi para aquisição de vacinas

Mais Lidas

POLICIAL
Com facada no coração, rapaz é deixado em frente padaria em cidade MS
CONCURSO DA PF
Polícia Federal publica edital de concurso com 1,5 mil vagas
Coronavírus
Em 24 horas MS registra 1.316 exames positivos de Covid-19 e 13 mortes
GERAL
INSS: prazo para recorrer de auxílio-doença negado termina hoje