Menu
terça, 11 de maio de 2021
Andorinha - Maio
Andorinha - Maio
Geral

Rede de ensino investe em aplicativos para smartphones e tablets para complementar aulas

29 janeiro 2016 - 13h12Gesiane Medeiros

No âmbito do Programa de Tecnologias Educacionais, o Senai Nacional investiu R$ 1,4 milhão no desenvolvimento de cinco aplicativos (APP) para smartphones e tablets destinados aos alunos para enriquecer e facilitar o aprendizado durante as aulas dos cursos da instituição em todo o País. Em Mato Grosso do Sul, o Senai já está utilizando dois desses aplicativos: o de Realidade Aumentada (RA) para o curso técnico de automação industrial e o Senai APP, ambos gratuitos e disponíveis para Android e IOS, tanto para alunos em cursos presenciais, quanto para a educação a distância.

 Os dois produtos fazem parte do projeto de mobile learning – nome em inglês para aprendizagem que se dá por meio de dispositivos móveis, tanto para alunos em cursos presenciais, quanto para a educação a distância. Com o aplicativo de RA, os livros ganharam vida e os alunos podem utilizar a câmera do celular ou tablet para reconhecer marcadores impressos nos livros didáticos e, assim, ter acesso a conteúdos técnicos, simuladores, vídeos e imagens em 3D animados que possibilitam interagir com o conteúdo. Depois de fazer o download, não é preciso acessar a Internet para usar o aplicativo.

 A coordenadora do NeaD (Núcleo de Educação a Distância do Senai), Maise Rodrigues Sá Giacomeli, destacou que esse tipo de aplicativo une a inovação e tecnologia educacional a um processo de aprendizagem que acompanha as tendências. “É interessante para os alunos ver o funcionamento das máquinas e equipamentos porque é algo mais vivo e significativo, porque mostra aquilo que acontece na realidade. São diversas imagens codificadas desde um circuito elétrico, usina hidrelétrica ou até uma produção de ar comprimido”, afirmou.

Como funciona

 Após baixar o aplicativo e ter em mãos os livros didáticos impressos, o aluno irá visualizar uma relação de objetos classificados em função dos diferentes livros do curso, volumes e páginas, para que possa facilmente identificar para qual figura você deverá apontar a câmera do seu dispositivo móvel. Feito isto, o aluno já pode visualizar novos objetos de aprendizagem multimídia, que estarão sobrepostos à figura impressa.

 Ainda este ano, o aplicativo de realidade aumentada chegará a outros três cursos: saúde e segurança do trabalho; redes e computadores e eletroeletrônica. Já o Senai APP propõe desafios técnicos de aprendizagem aos alunos por meio de recursos do celular, como fotos, vídeos ou recursos de áudio, sendo que o primeiro curso contemplado foi o de automação industrial.

 Em casa, o aluno pode montar um diagrama elétrico, por exemplo, tirar uma foto e enviá-la ao professor para avaliação. Também pelo aplicativo, o professor dá retorno sobre o desempenho dos alunos e, se isso for feito com a turma inteira, os alunos recebem medalhas e aparecem num ranking.

Texto da assessoria do Senai

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLICIAL
PRF apreende mais de 7 toneladas de maconha em MS
POLICIAL
PF realiza prisão por tráfico interestadual de drogas e apreende 200 kg de maconha
EDUCAÇÃO
IFMS investe no aprimoramento de atividades não presenciais
MEIO AMBIENTE
Parque Municipal de Piraputangas recebe observação de aves
HOMENAGEM
Câmara homenageia OAB de Corumbá pelo seu 63º aniversário de fundação
CIDADANIA
Abertas as inscrições para a 2ª edição do programa Juventude Empreendedora
GERAL
Após recomendação da Anvisa, Estados e prefeituras mudam vacinação de grávidas
GERAL
CPI da Covid questiona presidente da Anvisa sobre vacinas nesta terça
ECONOMIA
Produtividade cai 2,5% no primeiro trimestre de 2021, aponta pesquisa da CNI
GERAL
Maio da Diversidade LGBT+ terá mais de 100 ações do Governo MS

Mais Lidas

POLICIAL
PM encerra festa clandestina em casa abandonada e prende foragido da justiça
POLICIAL
Homem é preso por infração de medida sanitária e desobediência
POLICIAL
Casal é preso após briga no bairro Dom Bosco
POLICIAL
PRF recupera veículo e liberta homem que estava mantido em cárcere privado