Menu
sábado, 16 de janeiro de 2021
Andorinha - campanha dezembro
Andorinha - Dezembro
Geral

Projeto veta cobrança de taxas de água, esgoto e energia de entidades assistenciais

15 março 2018 - 10h52Câmara de Corumbá

Está tramitando na Câmara Municipal de Corumbá, um Projeto de Lei de autoria do vereador Yussef Salla, que proíbe a cobrança da taxa de água e esgoto, e de energia elétrica de entidades assistenciais que desenvolvem serviços sociais na cidade.

A proposição foi apresentada durante sessão esta semana e, conforme Yussef, “visa assegurar a proibição da cobrança da taxa sobre as contas desses serviços de entidades que realizam serviços sem fins lucrativos, que cuidam dos dependentes químicos de álcool e drogas, bem como estabelecimentos que abrigam crianças ou adolescentes em situação de risco ou exclusão social”.

Ele explica que a proposta é atender as entidades declaradas de utilidade pública em Corumbá, cujos imóveis deverão ser de sua propriedade ou posse, desde que devidamente comprovados.

O Projeto de Lei prevê também que em casos de perda da finalidade do imóvel quando se tratar de locação ou comodato, devidamente registrado, a isenção será cancelada.

Vivo

Por outro lado, o vereador está solicitando ao diretor-executivo do Procon de Corumbá, Alexandre Vasconcellos, providência com relação à ampliação da Loja Vivo, e em relação ao tempo de aguardo para atendimentos da operadora que, em dias de menos movimentos, chegam a esperar 35 minutos.

Yussef está ainda solicitando à Agetrat, um redutor de velocidade na Rua Mato Grosso, entre as ruas Albuquerque e Barão de Melgaço. O pedido se deve ao enorme fluxo de veículos que, está necessitando de melhor sinalização para conter altas velocidades, além de garantir maior segurança a todos que residem e que passam por aquele local.

Já ao gerente regional do Detran, Carlos Davi Jimenez Paz, o vereador está solicitando vistorias de caminhões caçamba, para que os mesmos sejam realizados no Municipio de Corumbá e não em Campo Grande, como está sendo exigido no momento. “Muitos proprietários não reúnem condições financeiras de realizar essa viagem e por isso precisam ter esse serviços disponibilizado aqui”, justificou.

À Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos, o vereador está solicitando o patrolamento da Rua Cáceres, entre as ruas Minas Gerais e Paraná, no acesso ao Centro de Educação Infantil Eunice Ajala Rocha. “Trata-se de pedido feito pela comunidade que tem relatado problemas na via, como buracos, poeira e lama nesse período de chuva, deixando a rua intransitável”, observou.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMPREGO
Eldorado Brasil oferece mais de 800 vagas para início imediato
Em Mato Grosso do Sul, são ofertadas novas posições para atuar nas unidades de Água Clara, Inocência e Selvíria
Coronavírus
Em 24 horas MS registra 1.316 exames positivos de Covid-19 e 13 mortes
CONCURSO DA PF
Polícia Federal publica edital de concurso com 1,5 mil vagas
POLICIAL
Com facada no coração, rapaz é deixado em frente padaria em cidade MS
SERVIÇOS
Em período chuvoso, saiba como receber alertas da Defesa Civil por SMS
PROCESSO SELETIVO
Sebrae abre processos seletivos com vagas na Capital e interior
São dois editais, sendo um para Pessoas com Deficiência. Salários chegam a R$ 4.802,92
ASSISTÊNCIA SOCIAL
Povo das Águas atende ribeirinhos da parte alta do rio Paraguai a partir do dia 19
TURISMO
Turismo de MS espera vacinação e já planeja duas campanhas para fomentar o setor
SAÚDE
Decreto reabre crédito de R$ 1,6 bi para aquisição de vacinas
CONCURSO PÚBLICO
Edição extra do Diário Oficial traz editais do processo seletivo para contratação de médico

Mais Lidas

POLICIAL
Homem é preso por violência doméstica no Bairro Cristo Redentor
POLICIAL
Jovem com mandado de prisão em aberto é preso no Loteamento Pantanal
CAMPANHA SAÚDE MENTAL
Janeiro Branco: Profissionais falam da importância de cuidar da saúde mental
GERAL
Energisa inicia Projeto de Eficiência Energética na Base Fluvial em Ladário