Menu
domingo, 19 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Primeira etapa da prova da Ação Educativa começa nesta segunda-feira

16 abril 2018 - 06h53Prefeitura de Corumbá

No período do dia 16 a 20 de abril, as escolas municipais de Corumbá passarão pela primeira etapa da prova da Ação Educativa 2018, ação que tem como objetivo aferir as competências e habilidades que os alunos devem desenvolver tomando-se como referências as aprendizagens definidas para as séries, a partir dos descritores da Prova Brasil no que se refere à leitura, interpretação e resolução de problemas matemáticos.

A Ação Educativa procura avaliar o aprendizado realizado ao longo da trajetória escolar do aluno. Assim, são avaliadas habilidades relativas a anos anteriores ao que ele está matriculado.  O conjunto dessas habilidades é organizado em competências. Nessa avaliação as habilidades de língua portuguesa estão associadas à competência de leitura e interpretação de textos e as habilidades de matemática estão associadas a competência em resolução de problemas.

As provas são elaboradas a partir de uma matriz de referência, professores e assessores técnicos da Rede Municipal de Ensino de Corumbá elaboram os itens (questões) considerando os descritores nas áreas de Língua Portuguesa e Matemática. A matriz é um documento que contém o conjunto de habilidades de cada série e disciplina e que podem ser mensuradas por meio das questões da prova.

Segundo a supervisora do Núcleo de Planejamento e Avaliação da Secretaria Municipal de Educação, Mirane Franco Reis, a metodologia adotada na construção e aplicação da Ação Educativa é adequada para avaliar a rede de ensino e não alunos individualmente. “Os temas abordados nas questões da 1ª etapa da Ação Educativa devem ser referentes a conteúdos do ano anterior. Exemplo: prova do 5º ano questões com conteúdo do 4º ano e assim sucessivamente”, explicou.

O tempo total estipulado para a realização das provas é de 1 hora e 30 minutos. O secretário municipal de Educação, Genilson Canavarro de Abreu, destacou a importância dessa ação: “Existem dimensões educacionais que só podem ser compreendidas por nós se tivermos instrumentos técnicos para nos apontar os caminhos. Aí entram as avaliações, com a possibilidade de auxiliar o nosso planejamento e, com isso, estabelecermos as prioridades”, concluiu.

No período do dia 16 a 20 de abril, as escolas municipais de Corumbá passarão pela primeira etapa da prova da Ação Educativa 2018, ação que tem como objetivo aferir as competências e habilidades que os alunos devem desenvolver tomando-se como referências as aprendizagens definidas para as séries, a partir dos descritores da Prova Brasil no que se refere à leitura, interpretação e resolução de problemas matemáticos.

A Ação Educativa procura avaliar o aprendizado realizado ao longo da trajetória escolar do aluno. Assim, são avaliadas habilidades relativas a anos anteriores ao que ele está matriculado.  O conjunto dessas habilidades é organizado em competências. Nessa avaliação as habilidades de língua portuguesa estão associadas à competência de leitura e interpretação de textos e as habilidades de matemática estão associadas a competência em resolução de problemas.

As provas são elaboradas a partir de uma matriz de referência, professores e assessores técnicos da Rede Municipal de Ensino de Corumbá elaboram os itens (questões) considerando os descritores nas áreas de Língua Portuguesa e Matemática. A matriz é um documento que contém o conjunto de habilidades de cada série e disciplina e que podem ser mensuradas por meio das questões da prova.

Segundo a supervisora do Núcleo de Planejamento e Avaliação da Secretaria Municipal de Educação, Mirane Franco Reis, a metodologia adotada na construção e aplicação da Ação Educativa é adequada para avaliar a rede de ensino e não alunos individualmente. “Os temas abordados nas questões da 1ª etapa da Ação Educativa devem ser referentes a conteúdos do ano anterior. Exemplo: prova do 5º ano questões com conteúdo do 4º ano e assim sucessivamente”, explicou.

O tempo total estipulado para a realização das provas é de 1 hora e 30 minutos. O secretário municipal de Educação, Genilson Canavarro de Abreu, destacou a importância dessa ação: “Existem dimensões educacionais que só podem ser compreendidas por nós se tivermos instrumentos técnicos para nos apontar os caminhos. Aí entram as avaliações, com a possibilidade de auxiliar o nosso planejamento e, com isso, estabelecermos as prioridades”, concluiu.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Queimadas
Bombeiros abrem aceiro na vegetação seca para deter incêndios do Pantanal
Balanço
Em três dias, operação Fronteiras e Divisas apreendeu R$ 12 milhões em drogas
Alerta
Com umidade do ar registrando 10%, cidades de MS voltam a ficar em alerta
Preconceito não!
Jogo da Diversidade acontece hoje com cobertura ao vivo do Capital do Pantanal
Flagrante na fronteira
PMA desmonta acampamento mas caçadores escapam para o Paraguai
Programação
Criançada aprende a usar cores primárias na oficina do Sesc deste sábado
Retomada
UEMS lança Guia de Retorno de Atividades Presenciais
Salve Vidas
Para repor estoques de O-, O+ e A+ Hemosul da capital abre o dia todo neste sábado
Tempo
Sábado de sol, calor e tempo seco em todo Estado
Tentativa de Homicídio
Adolescente é socorrido com perfuração de bala na coxa

Mais Lidas

Balanço
Em três dias, operação Fronteiras e Divisas apreendeu R$ 12 milhões em drogas
Preconceito não!
Jogo da Diversidade acontece hoje com cobertura ao vivo do Capital do Pantanal
Flagrante na fronteira
PMA desmonta acampamento mas caçadores escapam para o Paraguai
Alerta
Com umidade do ar registrando 10%, cidades de MS voltam a ficar em alerta