Menu
quinta, 21 de janeiro de 2021
Andorinha Janeiro/Fevereiro
Andorinha Janeiro/Fevereiro Mobile
Geral

Primavera será de calorão e muita chuva em MS, prevê meteorologia

18 setembro 2018 - 08h02Campo Grande News

A primavera será de calorão e muita chuva em Mato Grosso do Sul, prevê o prognóstico elaborado pelo meteorologista Natálio Abraão. A estação começa oficialmente às 21h54 do dia 22 deste mês e a previsão é de que cidades do Estado voltem a figurar entre os municípios mais quentes do Brasil com máximas de até 41ºC. Além disso, o intenso calor pode provocar pancadas de chuvas frequentes em quase todo o Estado.

Conforme o relatório divulgado na tarde desta segunda-feira (17), o começo da estação - entre 20 e 30 de setembro – as chuvas ainda são irregulares no Estado. Pode faltar chuva nas regiões leste, sudeste e parte do sul.

O início das chuvas mais regulares ocorre a partir da primeira quinzena de outubro. No mês, o período de chuvas será mais regular com o prognostico de chuva em todas as regiões, inclusive com valores acima da média para o Estado. Haverá exceções em alguns municípios, mas as regiões produtoras serão beneficiadas.

Em novembro, há chance de curtos períodos de enchentes as chuvas podem ficar acima das medias nas regiões, norte, nordeste e oeste do Estado. Portanto pode haver alerta em Coxim, Corumbá e região. Os modelos indicam valores em excesso, possibilidade de enchentes, inundações e de chuvas fortes. Nessas regiões, as pancadas de chuvas se intensificam em outubro e seguem pelo mês de novembro.

Calorão - Campo Grande, Corumbá, Água Clara, Três lagoas e Sonora tiveram extremos máximos em agosto e setembro e podem apresentar novamente, temperaturas entre 33 e 41ºC em outubro, historicamente o mês mais quente do ano.

Por isso, a umidade relativa apresenta valores abaixo de 30%. Valores mínimos abaixo dos 20% é possível entre setembro e o mês de outubro. O recomendado pela OMS (Organização Mundial de Saúde) é de 60%.

Contudo, não se descarta neste período, que ainda podem ocorrer incursões de massas de ar frio causando declínio acentuado da temperatura no centro- sul de Mato Grosso do Sul.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MEIO AMBIENTE
Onça resgatada em novembro no Pantanal com queimaduras, será solta em seu habitat
FRAUDE ELEITORAL
Ministério Público quer impugnação de candidatos do PRB em Ladário
COVID-19
Pandemia ainda não acabou: MS registra mais de mil casos em apenas um dia
GERAL
Batida de carro e moto deixa criança ferida no Popular Nova
POLICIAL
PRF recupera dois veículos em MS que seriam levados para a Bolívia
JUSTIÇA
Alexandre de Moraes nega HC para anular seis prisões e mandar Jamil Name para casa
p
ECONOMIA
Preço da gasolina começa o ano acima do valor registrado em todos os meses de 2020
Combustível está 19,5% acima da média do mês com preços mais baixos de 2020
DEFESA CIVIL
Com previsão de mais chuva, Defesa Civil orienta população que mora em áreas de risco
EDUCAÇÃO
Professores dão dicas para o segundo dia de provas do Enem
GERAL
MPT divulga nota técnica sobre medidas de proteção a trabalhadoras gestantes

Mais Lidas

FRAUDE ELEITORAL
Ministério Público quer impugnação de candidatos do PRB em Ladário
GERAL
Comando do 6º Distrito Naval abre inscrições para concurso de nível superior
GERAL
Confira a distribuição das doses de vacina contra a Covid-19 por município em Mato Grosso do Sul
GERAL
Batida de carro e moto deixa criança ferida no Popular Nova