Menu
domingo, 25 de julho de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Expresso Mato Grosso - Promoção de Junho
Geral

Prefeitura vai arcar com parte da CASSEMS de aposentados e pensionistas

16 fevereiro 2021 - 09h33PMC

Nesta segunda-feira, 15 de fevereiro, o prefeito Marcelo Iunes atendeu um anseio antigo dos servidores da Prefeitura de Corumbá. Com o Decreto N° 2.499, publicado na edição de hoje do DIOCORUMBÁ, o Município passa a arcar com parte do plano de saúde dos aposentados e pensionistas do regime próprio da Previdência Social do Município (FUNPREV) e os pagos pelo Tesouro Municipal.

“Atualmente, os servidores que se aposentam e que desejam continuar no plano de saúde devem contribuir com o valor integral deste, sem nenhuma contrapartida do Poder Público”, observou o prefeito. “E isso acabava por onerar muito os aposentados, os quais dedicaram tempo considerável de sua vida para a Administração Pública”, complementou Marcelo Iunes.

O secretário municipal de Finanças e Gestão, Luiz Henrique Maia de Paula, explicou que, para o benefício ser estendido aos aposentados e pensionistas, foi necessária uma adequação dos percentuais pagos pelos servidores efetivos e comissionados, de modo a manter o equilíbrio econômico e financeiro da ação.

“Os servidores efetivos e comissionados terão um reajuste mínimo na contribuição do plano de saúde, a qual resultará em enorme ganho social por permitir a inclusão dos aposentados com este benefício”, reforçou o secretário.

Conforme estabelece o Decreto N° 2.499, “de cada beneficiário titular efetivo, o desconto na remuneração mensal em valor equivalente a 7,5% (sete e meio por cento) e de cada beneficiário titular não-efetivo, desconto na remuneração mensal em valor equivalente a 10% (dez por cento)”.

O texto estabelece ainda que “do patrocinador integrante da Administração Direta e Indireta do Poder Executivo Municipal, o recolhimento no valor correspondente a 7,5% (sete e meio por cento) da folha de pagamento mensal do beneficiário efetivo e do beneficiário especial e 5% (cinco por cento) da folha de pagamento mensal do beneficiário não-efetivo, respeitado o limite de 3%  das respectivas despesas de pessoal e até 70% do valor de contribuição de cada segurado”.

De acordo com a superintendente de Previdência Social da Secretaria de Finanças e Gestão, Gabriela Winkler, dos 755 aposentados e pensionistas da Prefeitura, apenas 104 eram beneficiários no plano de saúde. “Muitos não aderiam por ter de contribuir na integralidade. Agora, com contribuição por parte do Poder Público, será possível estender esse número”, afirmou, reforçando que o plano dos aposentados e pensionistas não será pago com recursos do Funprev e sim com recursos próprios da Prefeitura.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Seguiriam para Bolívia
Dois veículos que seriam atravessados para Bolívia são recuperados
Mais tempo
Exame toxicológico na emissão de CNH tem prazo ampliado para utilização do laudo
Empreendedorismo
Cinco erros que o empresário deve evitar no Marketing e Vendas
Imunização
Sábado tem vacinação contra Covid até 12h no drive do Poliesportivo
Investigaçã
Famosos em MS, grupos de venda estão 'recheados' de produtos roubados
Saúde
Anvisa suspende estudos clínicos da Covaxin no Brasil
Sorte
Mega-Sena pode pagar R$ 7 milhões no sorteio deste sábado
Cidade Tranquila
Operação conjunta combate crimes fronteiriços em Corumbá e Ladário
Tempo
Ar seco e quente pode marcar o sábado em Mato Grosso do Sul
Acidente
Motociclista fratura clavícula após perder controle em lombada

Mais Lidas

Seguiriam para Bolívia
Dois veículos que seriam atravessados para Bolívia são recuperados
Imunização
Sábado tem vacinação contra Covid até 12h no drive do Poliesportivo
Cidade Tranquila
Operação conjunta combate crimes fronteiriços em Corumbá e Ladário
Mais tempo
Exame toxicológico na emissão de CNH tem prazo ampliado para utilização do laudo