Menu
quarta, 27 de janeiro de 2021
Senar MS
Andorinha Janeiro/Fevereiro Mobile
Geral

Prefeitura realiza capacitação em rede de enfrentamento à violência contra a mulher

11 abril 2019 - 07h53Prefeitura de Corumbá

A Secretaria Especial de Cidadania e Direitos Humanos em parceria com o Ministério Público estão realizando uma capacitação da rede de enfrentamento à Violência contra a Mulher, no auditório da unidade I da UFMS - campus Pantanal.

De acordo com Amanda Balancieri Iunes secretaria especial de Cidadania e Direitos Humanos, essa capacitação vem trabalhar com a rede de enfrentamento à violência contra a mulher na atuação da prevenção, assistência e combate à violência contra a mulher.

“O curso visa capacitar quem trabalha de frente com a violência, temos pessoal da Saúde, do CRAM, da Rede de Conselho da Mulher e da Guarda Municipal. Para que possamos ver que medidas podem ser tomadas, ou seja, o que eles podem fazer, para que a gente haja mais rápido e não ocorra nenhum feminicídio”.

Ainda segundo Amanda a Guarda Municipal está participando com o programa Patrulha Maria da Penha, “depois que todos foram capacitados no programa, hoje estão aqui somente os que irão atuar na patrulha, pois eles serão as pessoas que atenderão diretamente as mulheres vítimas de violência com medidas protetivas. E também agora no começo serão eles que atenderão algumas ligações do número 180 para irem até os casos de violência”.

A palestrante Elaine Cristina França Tavares Flor, assistente social do quadro efetivo do Ministério Público de MS, lotada na 72ª PJ de Campo Grande, instalada na Casa da Mulher da Brasileira, veio ministrar esse curso para construir um fluxograma de atendimento contra a violência à mulher. 

“Como o trabalho começou a ser realizado há pouco tempo, sabemos que conforme vão acontecendo às demandas, vamos deparando-nos com os problemas e as dúvidas vão surgindo, então essa é a oportunidade para que todos tirem suas dúvidas e assim façam um alinhamento no trabalho”, explicou Elaine.

A capacitação foi dividida em três módulos, o primeiro abordou “O fenômeno da violência” onde foram debatidos os seguintes temas: a violência de gênero, feminismo, violência contra a mulher, tipos de violência, feminicídio. No segundo módulo falaram sobre “Identificando a Rede de Atendimento” abordando a politicas publicas para a mulher em MS, aplicação do jogo “violetas” e atuação do ministério público: uma via de mão dupla (componente da Rede x fiscalização da Rede).

Nesta manhã foi feito o terceiro módulo falando sobre a atuação na prática construindo um protocolo de atendimento com o encerramento previsto para o meio dia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DENÚNCIA
Funcionários demitidos do hospital não recebem rescisão trabalhista
ENCHENTE
PMA de Miranda e Defesa Civil municipal trabalham no resgate de famílias atingidas por enchentes
Geral
Curiosidade: quando foi fabricada a tecnologia Smartwatch
POLÍTICA
Presidente da Alems, Paulo Corrêa assume como governador em exercício de MS
COVID-19
Janeiro registra mais de 460 óbitos por coronavírus e já é o 3º pior mês da pandemia
MORTE POR COVID-19
Cinco dias após morte do marido, ex-primeira-dama de Dourados não resiste à Covid-19
EDUCAÇÃO
IFMS reabre prazo de matrículas da 1ª chamada para cursos técnicos integrados
Aprovados têm até esta quarta-feira, 27, para fazer a matrícula em cursos técnicos integrados ao ensino médio. Retificação altera datas previstas para novas chamadas
EDUCAÇÃO
Gabaritos do Enem serão divulgados nesta quarta-feira
CHUVA FORTE
Temporal em Corumbá causa queda de árvores e alagamentos
ECONOMIA
Governo federal aprova auxílio emergencial para 196 mil pessoas

Mais Lidas

CAPOTAMENTO
Carro capota no bairro Aeroporto e deixa casal ferido
CHUVA
Corumbá já tem maior acumulado de chuva da história
POLICIAL
Em Corumbá homem é preso por violência doméstica contra sua mãe
POLICIAL
PM de Corumbá recupera motocicleta furtada antes de proprietário perceber o crime no bairro Popular