Menu
quarta, 22 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Polo da Unidade de Monitoramento Virtual em Corumbá ganha novo espaço

15 agosto 2019 - 08h03Portal do Governo de Mato Grosso do Sul

Para ampliar o atendimento aos monitorados por tornozeleira eletrônica e aprimorar a fiscalização, a Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) criou um polo da Unidade Mista de Monitoramento Virtual Estadual (UMMVE) em Corumbá. Os trabalhos consistem em colocação e retirada de equipamentos, manutenção e todo o suporte necessário para a monitoração eletrônica.

Com cerca de 170 monitorados, Corumbá é a segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul com pessoas utilizando tornozeleiras, atrás somente de Campo Grande. Por este motivo, o polo foi instalado no município, em um prédio anexo ao Patronato Penitenciário de Corumbá.

Oficialmente é o primeiro polo da UMMVE no estado, as atividades tiveram início em janeiro no presídio de regime semiaberto, mas este mês começou em um novo local, com mais estrutura para o desenvolvimento dos trabalhos.

Responsável também pela inspeção dos equipamentos, encaminhamento para trabalho, recaptura de tornozeleira, suporte para o monitorado, recebimento da apresentação de trabalho – que é realizada mensalmente, conforme decisão judicial – a unidade atua ainda como interlocutora oficial com a força policial local, quando necessário. Além disso, realiza o cadastro no sistema de monitoramento, alimentação de dados no Sistema Integrado de Gestão Operacional (SIGO) e Sistema Integrado de Administração do Sistema Penitenciário (Siapen).

Segundo o diretor da UMMVE, Ricardo Teixeira, o novo polo de monitoramento em Corumbá contribui para a organização dos trabalhos, oferecendo respaldo e maior possibilidade de um serviço mais uniforme em sincronia com a sede da unidade na capital. “O monitoramento em si continua sendo feito exclusivamente em Campo Grande, mas o polo garante maior efetividade na fiscalização e oferece todo o suporte em ações relacionadas com a monitoração dos apenados, além de contar com servidores capacitados”, destaca.

As melhorias foram concretizadas com o empenho e trabalho conjunto dos servidores da área de Segurança e Custódia, agentes Ricardo Solis Baracat e Marlene Moreira Marmora, e contou com o apoio da diretora do Patronato Penitenciário de Corumbá, agente Giselle da Silva Marques de Barros.

Em conjunto com o Patronato, o polo recebe o custodiado que acabou de progredir de regime, instala a tornozeleira eletrônica e já encaminha para o Patronato para verificar a questão de trabalho, apoio assistencial e outros assuntos pertinentes.

Para o diretor-presidente da Agepen, Aud de Oliveira Chaves, o aprimoramento da monitoração eletrônica realizada pela agência penitenciária em Corumbá demonstra o esforço dos servidores em proporcionar, cada dia mais, um serviço de qualidade para a população.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Serviço
Sesc inaugura nova unidade em Corumbá
Arma Apreendida
Polícia prende autor após perseguição e troca de tiros no Cristo Redentor
Em Campo Grande
MDB filia novos membros para juventude do partido
Luto
Armando Anache morre aos 91 anos no Rio de Janeiro
Campanha
Corumbaense pode descartar medicamentos em drive thru nesta quinta (23)
Em Corumbá
Abertas as inscrições para o Festival Internacional de Pesca Esportiva
"Dark Money"
Operação cumpre mandados contra esquema que desviou mais de 23 milhões dos cofres de Maracaju
Só piora
Cinco incêndios urbanos foram registrados nas últimas 24 horas
Fazendo xixi
Mulher cai em ribanceira de 10 metros na Avenida General Rondon
Vento Forte
Figueira cai sobre residência e danifica rede elétrica no Loteamento Pantanal

Mais Lidas

Naviraí
Casal preso por tráfico de aves silvestres recebe multa de R$ 2,5 milhões da PMA
243 anos
Corumbá celebra aniversário com retomada de desenvolvimento
21 de setembro
Incêndios continuam e Corumbá não tem motivo para celebrar o dia da árvore
Tempo
Inverno se despede com temperaturas acima dos 40°C e umidade do ar em níveis críticos