Menu
terça, 07 de dezembro de 2021
Andorinha Dezembro
Mobile - Andorinha Dezembro
Geral

Polícia Militar Ambiental captura serpente caninana de dois metros no Instituto Federal

06 janeiro 2021 - 09h50Mariana Conte

Policiais Militares Ambientais de Coxim capturaram há pouco, nesta quarta-feira, 6 de janeiro às 8h40, uma serpente da espécie Spilotes pullatus (caninana) que estava no Instituto Federal (IFMS) da cidade. Um funcionário do Instituto acionou a PMA, quando avistara a serpente de aproximadamente dois metros pelo pátio da instituição.

A serpente, que apesar de ter fama de muito perigosa, não é peçonhenta, foi capturada pela PMA, colocada em uma caixa de contenção e, como não apresentava ferimentos, foi solta no seu habitat natural.

Foto: Divulgação PMA

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Educação
IFMS convoca para heteroidentificação em seleção de cursos técnicos integrados
Tecnologia
Webinar das Cidades Digitais reúne Prefeituras do MS e Ministério das Comunicações nesta terça
Fiscalização
PMA aplica R$ 17 mil em multas e apreende 47 quilos de pescado no primeiro mês de piracema
Cidadão
Caixa divulga calendário de pagamentos do INSS de 2022
Transparência
Médicas de Campo Grande tinham até três cargos públicos com escala de 100 horas semanais
Serviço Público
Recesso na Assembleia começa no próximo dia 22 e trabalhos retornam em fevereiro
Eleições 2022
Tucanos buscam apoio no MDB e PSD
Desdobramentos
Caixa se pronuncia sobre prisão de estagiário acusado de furtar beneficiários do auxílio
Há 4 dias
Encontrado trabalhador rural que estava desaparecido na região do Paiaguás
Colisão entre motos
Jovem internado no CTI não resiste e morre antes da transferência para Capital

Mais Lidas

Desdobramentos
Caixa se pronuncia sobre prisão de estagiário acusado de furtar beneficiários do auxílio
Transparência
Médicas de Campo Grande tinham até três cargos públicos com escala de 100 horas semanais
Colisão entre motos
Jovem internado no CTI não resiste e morre antes da transferência para Capital
Há 4 dias
Encontrado trabalhador rural que estava desaparecido na região do Paiaguás