Menu
terça, 03 de agosto de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Expresso Mato Grosso - Maio
Geral

PMA autua homem em R$ 6 mil por maus-tratos e apreende cachorros que eram destinados à venda

03 setembro 2019 - 08h37Kamilla Marques

Uma equipe de Policiais Militares Ambientais de Dourados recebeu denúncias nesta segunda-feira (2) no final da tarde, versando sobre uma loja de produtos veterinários que mantinha filhotes de cachorro em condições de maus-tratos, no bairro Vila Rosa.

Animais ficavam presos em gaiolas, sem higiene e sem ventilação. Foto: PMA.

No local, a equipe encontrou 12 filhotes que eram destinados à venda, dentro de gaiolas de forma precária, amontoados e com pouca ventilação. Também não havia cartões de vacinação e registro, ou algo que comprovasse o controle de saúde dos animais. Os 12 cachorros foram apreendidos.

O comerciante (57), residente em Dourados, foi conduzido à delegacia de Polícia Civil e responderá por crime ambiental de maus-tratos a animais. A pena é de três meses a um ano de detenção. A Polícia Militar Ambiental também efetuou um auto de infração administrativo e aplicou multa de R$ 6.000,00 contra o infrator.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Na Fronteira
Boliviana presa receberia R$ 3.400 para atravessar 17 quilos de cocaína
Vida Criminosa
Idoso condenado por mais de 20 anos de prisão é indiciado por novos crimes
Com proteção
Aulas presenciais da REME retornam após um ano e quatro meses suspensas
Imunização
Veja quem pode se vacinar nesta segunda em Corumbá
Boas Notícias
Estado anuncia melhorias e novo concurso para Educação
Importante
Lei que obriga divulgação de medicamentos disponibilizados na rede é sancionada
Atenção à Saúde
Agosto é o mês de conscientização das hepatites virais
Calendário
As inscrições para o Sisu começarão na próxima terça-feira (03)
Esporte
Circuito de Rua retorna com disputa dos 10 quilômetros em Corumbá
Bombeiros
Tempo seco e instabilidade na temperatura mantém situação de alerta no Pantanal

Mais Lidas

Geral
Dois ônibus de aplicativo são apreendidos por transporte clandestino