Menu
domingo, 24 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Plano de Educação de Corumbá é referência para região Centro-Oeste

03 março 2016 - 12h26Redação
O Plano Municipal de Educação de Corumbá está servindo de referência para a região Centro-Oeste na Formação do Avaliadores Educacionais da Rede de Assistência Técnica para o monitoramento e Avaliação dos Planos de Educação que acontece em Cuiabá, no Mato Grosso. A oficina começou ontem, quarta-feira, e vai até sexta, 4 de março, em Cuiabá, e está reunindo técnicos da Educação de Goiás, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal e Mato Grosso que, na terça-feira, 1°, se reuniram com representantes do Ministério da Educação, quando estabeleceram estratégias de formação dos avaliadores educacionais que irão monitorar a execução dos Planos Municipais de Educação. Uma cópia do Plano Municipal de Educação de Corumbá, em formato digital, foi encaminhado pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Educação, em atendimento a uma solicitação feita pela Secretaria de Estado de Educação, para ser utilizado na formação em andamento. O novo Plano Municipal de Educação de Corumbá, Lei n° 2484, de 26 de junho de 2015, foi elaborado por uma comissão com integrantes da Secretaria Municipal de Educação, Fórum Municipal de Educação e o Conselho Municipal de Educação que, para sua formatação, fez um levantamento de informações em órgãos especializados como o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), e Sistemas de Gestão Escolar do Estado e Município. Agora, o documento está sendo referência para a região Centro-Oeste, que é a primeira a realizar a habilitação dos avaliadores, formação que está acontecendo na Escola de Governo do Mato Grosso. Os técnicos dos quatro estados selecionados para participar da formação devem orientar a avaliação no cumprimento de metas estabelecidas no Plano de Educação, além de assessorar cada localidade de acordo com os objetivos e ferramentas disponíveis.  O intuito é criar condições para que os municípios possam, com o apoio técnico da Seduc e MEC, aferir a efetividade do que foi planejado. O trabalho de formação é realizado por coordenadores estaduais e a equipe de Cooperação e Planos de Educação do MEC liderada pelo diretor Geraldo Grossi Junior. De acordo com Grossi Junior, a proposta é garantir a cultura de planejamento na Educação. “Com o trabalho integrado desenvolvemos a tecnologia para melhorar o monitoramento e avaliação da Educação Básica. O monitoramento periódico demonstrará se estamos alcançando a meta ou se é necessário redimensionar às políticas públicas da Educação”, afirmou Grossi. Os técnicos e supervisores que compõem a rede de assistência técnica para a adequação ou elaboração dos Planos, e que irão atuar como avaliadores estaduais, foram indicados pelo União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação e Conselho Nacional de Secretários de Educação. O Plano Nacional de Educação determina diretrizes, metas e estratégias para a política educacional por um período de dez anos. No país, quatro estados e 90 municípios ainda estão em fase de elaboração do documento. Os técnicos do MEC, Consed e Undime formam uma rede de assistência técnica que trabalha desde a elaboração e aprovação dos Planos de Educação. Eles vão assessorar os municípios com o monitoramento e avaliação dos documentos.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Flagrante
Dois turistas são multados em R$ 1,8 mil por pesca predatória no rio Miranda
Alerta
Últimos dias para inscrições em editais da Funarte
Imunização
Quem pode se vacinar contra Covid neste fim de semana
1 hora a menos
Agepan defende o retorno do horário de verão para economia de energia em MS
74 vagas
Concurso público da Sanesul recebe inscrições até 11 de novembro
Boletim Epidemiológico
MS volta a registrar mortes por Covid-19
Orientação
O que fazer para prevenir problemas durante e após temporais
CNH MS Social
Programa de habilitação gratuita já tramita na Assembleia Legislativa
Tempo
Chuva ganha força a partir deste sábado e pode trazer nova tempestade para MS
Precaução
Tradicional Procissão Fluvial é cancelada devido previsão de mal tempo

Mais Lidas

Causa não definida
Motorista de ônibus fretado com 42 passageiros perde o controle e colide na mureta da ponte
Dom Bosco
Homem baleado pede socorro em escola, mas não resiste e morre
Desdobramento
Embarcação que naufragou e fez sete vítimas no rio Paraguai não era de transporte turístico
Boletim Epidemiológico
MS volta a registrar mortes por Covid-19