Menu
sábado, 16 de janeiro de 2021
Andorinha - campanha dezembro
Andorinha - Dezembro
Geral

Pequenos construtores tem garantia da continuidade e expansão do ‘Minha casa, minha vida’

19 maio 2019 - 09h41Marcos Anelo

Todos os setores da construção civil estiveram reunidos durante três dias na capital do Rio de Janeiro para discutir os rumos de uma das principais atividades que movem a economia do Brasil. O 91º Encontro Nacional da Indústria da Construção (91º ENIC) foi realizado pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), e reuniu quase 1300 inscritos para debates e palestras.

A federação Nacional dos Pequenos Construtores (FENAPC) participou do Encontro de 15 a 17 de maio, que teve entre os palestrantes o chefe da Casa Civil do governo, Onyx Lorenzoni; o ministro da Economia, Paulo Guedes; o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia; o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães. A condução dos trabalhos foi realizada pelo presidente da CBIC, José Carlos Martins.

Os representantes do governo defenderam a importância da construção civil para a retomada da economia, e se comprometeram em expandir os programas habitacionais. O presidente da CEF, por exemplo, defendeu  melhorias operacionais no programa Minha Casa Minha Vida para habitação de baixa renda. "Nada será mudado sem ouvir o setor da construção civil", disse Guimarães.  O ministro Paulo Guedes reafirmou  a importância da aprovação da  Reforma da Previdência. "A Reforma vai abrir espaço para o Brasil crescer muito porque teremos um ambiente seguro para os investimentos", explicou Guedes. A Reforma foi defendida por todos que participaram do evento.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, disse que irá trabalhar com os líderes partidários e o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, para uma agenda voltada para a reestruturação do Brasil, incluindo medidas de curto prazo para estimular a economia.

“Nós vamos deixar bem claro para a sociedade que a Câmara e o Senado terão uma agenda muito racional, muito objetiva de reestruturação do Estado brasileiro, e vamos fazer isso junto com o ministro Paulo Guedes”, afirmou Maia.

Os pequenos construtores que representam quase metade dos financiamentos habitacionais pelo programa Minha Casa Minha Vida saíram satisfeitos com a posição do governo. "Temos certeza de que o programa Minha Casa Minha Vida não só vai continuar como também vai melhorar. Todos os construtores, sindicatos, associações, e também os fornecedores têm a mesma confiança e garantia. Sabemos que governo e o legislativo estão empenhados para isso", disse Fabiano Zica, presidente da FENAPC.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPTURA DE ANIMAL
PMA captura tamanduá-bandeira no centro da cidade, o terceiro em 15 dias
EDUCAÇÃO
Termina hoje inscrição para primeira seleção de 2021 do ProUni
COVID-19
MS chega à metade de janeiro com 272 mortes por Covid-19
CAMPANHA SAÚDE MENTAL
Janeiro Branco: Profissionais falam da importância de cuidar da saúde mental
POLICIAL
PRF e PM apreendem 581 Kg de maconha em MS
Utilidade
O melhor formato de vídeo para o seu Mac
EDUCAÇÃO
Veja cinco dicas para se preparar para o Enem 2020
EDUCAÇÃO
IEL está com inscrições abertas para o curso de planejamento estratégico
SAÚDE
Centro e Borrowiski recebem ação de combate à dengue nesta sexta e sábado
ECONOMIA
Nascidos em julho podem sacar auxílio emergencial a partir de hoje

Mais Lidas

POLICIAL
Homem é preso por violência doméstica no Bairro Cristo Redentor
POLICIAL
Jovem com mandado de prisão em aberto é preso no Loteamento Pantanal
CAMPANHA SAÚDE MENTAL
Janeiro Branco: Profissionais falam da importância de cuidar da saúde mental
GERAL
Energisa inicia Projeto de Eficiência Energética na Base Fluvial em Ladário