Menu
quarta, 14 de abril de 2021
Ambiental MS Pantanal - Aegea
Andorinha Fevereiro
Geral

Agesul bloqueia entrada de acesso ao Pantanal

29 março 2018 - 10h30Campo Grande News

A Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) mantém o alerta sobre as condições de tráfego na MS-184, conhecida como Estrada Parque, entrada para o Pantanal. A via corre risco de ser bloqueada, caso os caminhões com bois ou outras cargas continuem passando pelo trecho. A orientação para acesso à região abrange rotas pela BR-262, MS-432 (distrito de Albuquerque) e MS-228. O tráfego na MS-184 está autorizado apenas para veículos pequenos (caminhonetes e de passeio), conforme o chefe da Agesul em Corumbá, Luiz Mário Anache. Segundo ele, o problema se arrasta há duas semanas devido aos estragos causados pela cheia dos rios Aquidauana e Miranda.

Uma das pontes (de vazão) de madeira, a nº 4, está danificada, e a água corrente sobre a estrada afetou a pista, principalmente em trechos sem cascalho.

O técnico da Agesul explica que a passagem de caminhões agrava a situação, que já é crítica em alguns trechos com o surgimento de bitolas e buracos.

Na altura da porteira de entrada da fazenda São Bento, dois veículos pesados e não carregados ficaram retidos em atoleiros e a tendência é a interrupção da pista caso permaneça o tráfego de caminhões. “Trechos de cascalhos também foram lavados pela água e não suportarão essa pressão”, disse.

Suspensão - No dia 16 de março, a Agesul decidiu suspender o tráfego de caminhões na MS-184 com a chegada das águas do último transbordamento dos rios Aquidauana e Miranda, que cobriram parcialmente a estrada.

A Agência orientou os caminhoneiros a usarem o desvio pela MS-432 (entrada pela BR-262, 10 km após a ponte sobre o rio Paraguai) até a MS-228, que se interliga à MS-184 na região conhecida como Curva do Leque. A medida continua em vigor.

Fluxo de turistas - Com a aproximação do feriado da Semana Santa, o Governo do Estado realiza há uma semana serviços de raspagem para manutenção da pista da MS-184, no trecho entre o entroncamento com a BR-262 e MS-228, para atender, em especial, o acesso de veículos pequenos às fazendas e o fluxo de turistas, que deve aumentar neste fim de semana às pousadas e pesqueiros. A manutenção é importante para impedir também maiores danos à estrada, segundo a Agesul.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLICIAL
PM prende homens por tráfico de drogas e apreende 83 tabletes de cocaína
GERAL
Azambuja cobra em Brasília reforço de vacinas para 13 municípios de fronteira
GERAL
Vereador pede flexibilização de medidas que restringe atividades de buffets e salões de festas
GERAL
Visitas em presídios de MS continuam suspensas até 26 de abril
ECONOMIA
Câmara aprova Projeto de Lei que institui REFIS para amenizar crise causada pela pandemia
PANDEMIA
Aprovada abertura de crédito adicional para custeio de 10 leitos para tratamento da Covid
GERAL
Calouros da UEMS serão recepcionados por meio de evento virtual
SAÚDE
Corumbá segue com vacinação Antirrábica
INFRAESTRUTURA
Pavimentação da Frei Mariano e recuperação da Pedro de Medeiros é solicitada na Câmara
INTERNACIONAL
Covid-19: variante britânica não causa doença mais grave, diz estudo

Mais Lidas

POLICIAL
PM prende homens por tráfico de drogas e apreende 83 tabletes de cocaína
GERAL
Após briga, jovem é esfaqueado por padrasto no Centro América
MUDANÇA NO CTB
Nova Lei proíbe substituir prisão por pena mais branda em crimes de Trânsito
POLICIAL
Casal é preso após briga no Loteamento Pantanal