Menu
quarta, 21 de abril de 2021
Andorinha Fevereiro
Andorinha Fevereiro
Geral

Pantanal sedia treinamento sobre biomas da região para Promotores de Justiça

11 março 2017 - 09h21Redação

Fazer que o Pantanal seja reconhecido com todos os títulos que tem de patrimônio e reserva. Essa é uma das atividades desenvolvidas pelo Instituto SOS Pantanal que ofereceu ao Ministério Público de Mato grosso do Sul a oportunidade de treinamento para 16 Promotores de Justiça que atuam na área ambiental, nos dias 29 a 31 de março.

Durante o treinamento serão ministradas palestras sobre os impactos ambientais globais e também no Bioma do Pantanal, encontro com integrantes da Polícia Ambiental e do IBAMA, entidades com atuação na região e também planejamento de atuação.

A colaboração do Instituto SOS Pantanal deu-se em razão daquela instituição possuir uma política de formação de agentes públicos e privados utilizando-se de parceria com a “Estância Caiman”, sem custos para os participantes, a exemplo do que ocorreu recentemente com evento em que esteve presente o Ministro do Meio Ambiente Sarney Filho, os Governadores dos Estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Secretários de Meio Ambiente e Turismo e outros. A ideia que o Instituto SOS Pantanal tem, na escolha da Estância Caimã, em Miranda, é que ajuda a fortalecer essa aproximação, já que o Presidente do Instituto SOS Pantanal, Roberto Clabin, é o dono da propriedade” afirmou Felipe Augusto Dias, diretor executivo do Instituto SOS Pantanal.

 “Esse é o primeiro curso que disponibilizamos em parceria para os Promotores de Justiça da área ambiental, onde queremos também apresentar nossos projetos ambientais.”

Instituto SOS Pantanal

O Instituto Socioambiental da Bacia do Alto Paraguai SOS Pantanal é uma organização não-governamental, privada, sem vínculos partidários ou religiosos e sem fins lucrativos. Lançada em julho de 2009 tem a missão de informar e promover o diálogo para um Pantanal sustentável.

Sua estrutura organizacional é composta por 30 conselheiros que se dividem em Conselho Diretor, Conselho Fiscal e Conselho Técnico Científico Político. O Diretor Executivo é responsável pela parte operacional do Instituto.

Com representantes dos diversos setores da sociedade pantaneira o SOS Pantanal surge em um momento especial, em que a necessidade da gestão do conhecimento e do diálogo intersetorial são fundamentais para a conservação da biodiversidade e dos recursos naturais do planeta. Esta nova proposta chega para somar com outras iniciativas da região, com o intuito de tornar-se uma ferramenta fundamental na facilitação do diálogo.

Conselho do Instituto SOS Pantanal congrega os vários olhares e interesses sobre a BAP e suas formas de desenvolvimento e conservação.

O Instituto promove a gestão do conhecimento e a disseminação de informações de forma clara, alcançando os principais stakeholders (governos, formadores de opinião, grandes empreendimentos, fazendeiros e pequenos proprietários de terra da região) e a população em geral, de forma a sensibilizá-los e desencadear impactos positivos para a conservação e desenvolvimento sustentável do Pantanal.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVID-19
Sugerida utilização de sobras de vacina para imunizar pessoal de funerárias e da limpeza pública
COVID-19
Vereador reforça a necessidade de imunizar gestantes contra o coronavírus
GERAL
Justiça Eleitoral realizará live sobre segurança da urna eletrônica e processo eleitoral no dia 28
GERAL
Brasília completa 61 anos e encara o desafio da maturidade
GERAL
Vereador solicita recuperação da 21 de Setembro, após intervenções da Sanesul
CIDADE
Vereador pede sinalização adequada para evitar mais acidentes na Colombo com a Ladário
POLÍTICA
Governo lança plano de promoção da agricultura de baixo carbono
POLÍTICA
Câmara aprova projeto de lei que torna escolas serviços essenciais
GERAL
Matrícula para curso de medicina da UEMS pode ser feita até dia 26 de abril
MUDANÇAS NO CTB
Nova Lei abranda infração para motociclistas sem viseira ou óculos de proteção

Mais Lidas

GERAL
Corumbá perde dez leitos na UTI Covid por falta de cadastro
POLICIAL
PRF apreende 665 Kg de maconha e 75 Kg de skunk em MS
GERAL
Homem é preso por porte de drogas no Cravo Vermelho
POLICIAL
'Deu branco e não vi', diz homem que atropelou ex e o próprio bebê em MS