Menu
quarta, 12 de maio de 2021
Andorinha - Maio
Andorinha - Maio
Geral

OAB reage contra ofensas à advogada do assassino de professora

11 março 2019 - 12h41Sylma Lima

Diante de ofensas em redes sociais contra a advogada de Edevaldo Costa,31 anos, assassino confesso da professora Nadja Sol Neves, 38 anos, a Sub Seccional de Ordem dos Advogados do Brasil de Corumbá fez uma nova nota de repúdio , mas desta vez  aos ataques contra a profissional que defende Edevaldo. Confiram a nota na íntegra:

A Primeira Subsecção de Corumbá da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional de Mato Grosso do Sul, vem repudiar, com veemência, as agressões contra uma advogada que, no pleno exercício do direito de defesa, apresentou seu cliente acusado da prática de Feminicídio.

Em nenhuma hipótese, deve-se admitir agressões, sejam elas verbais ou físicas, aos profissionais da advocacia que se incumbem de exercer, dentro dos parâmetros constitucionais e legais, a defesa de indivíduos acusados da prática de delitos, independentemente do fato em investigação.

O direito de defesa é uma histórica conquista, que não pode jamais ser violada, exatamente por constituir um dos pilares do Estado Democrático de Direito. É preciso entender que o advogado criminalista não defende o crime, mas luta para que os direitos e garantias individuais sejam observados ao longo do processo, de forma que, ao final, haja uma justa solução para o caso, seja em forma de condenação ou absolvição.

O advogado, portanto, é indispensável à administração da justiça, conforme prevê a própria Constituição Federal, no artigo 133 e é inviolável em seus atos e manifestações, nos limites da lei, enquanto estiver no exercício profissional.

De igual maneira, e com a mesma veemência, a Primeira Subsecção de Corumbá da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional de Mato Grosso do Sul, em Nota Pública, já repudiou toda e qualquer forma de violência contra a mulher, notadamente o Feminicídio, chaga social que envergonha e preocupa a todos por sua escalada crescente em nosso país e estado. A OAB sempre lutará para a efetivação de uma sociedade, de fato, igualitária, na qual homens e mulheres estejam verdadeiramente equiparados e, consequentemente, todas as manifestações de preconceito, exclusão, violência, assédio, dentre tantos outros comportamentos reprováveis, sejam definitivamente expurgados do nosso convívio social.

Roberto Lins

Presidente

Postagem de internauta em redes sociais

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Sebrae e parceiros lançam Portal de Ecoturismo
Plataforma inédita é uma iniciativa do Sebrae em Mato Grosso do Sul para todo o País. Portal reúne conteúdos sobre Ecoturismo, Turismo de Aventura e de Natureza
OPERAÇÃO INDEPENDÊNCIA
Operação Independência apreende arma de fogo e uma pessoa é presa
COVID-19
Drive Thru de vacinação está suspenso até a chegada de novas doses
GERAL
Brasil inaugura primeira antena rural para a internet 5G
SAÚDE
Butantan entrega mais 1 milhão de doses de vacinas contra covid-19
CIDADE
Vereadores cobram ação do Procon em relação às lojas físicas das operadoras de telefonia
EDUCAÇÃO
Prefeitura inicia entrega do kit alimentação escolar a partir do dia 19 de maio
BOLSA ATLETA
Fundesporte divulga resultado preliminar por pontuação dos candidatos
EDUCAÇÃO
Mestrado em Educação Científica e Matemática da UEMS recebe inscrições até 17 de maio
GERAL
Paulo Duarte diz que não é alvo da Operação Independência

Mais Lidas

POLICIAL
PF realiza prisão por tráfico interestadual de drogas e apreende 200 kg de maconha
GERAL
Vereador reforça necessidade de vacinar trabalhadores contra a Covid 19
HOMENAGEM
Câmara homenageia OAB de Corumbá pelo seu 63º aniversário de fundação
SAÚDE
Anvisa orienta suspensão de vacina da AstraZeneca para grávidas