Menu
quinta, 22 de abril de 2021
Andorinha Abril
Andorinha Abril
Geral

MUHPAN inaugura sala que retrata a história do Negro na região pantaneira

06 julho 2018 - 10h53Câmara de Corumbá

O Museu de História do Pantanal inaugurou no final da tarde de ontem, quinta-feira (05), a Sala Expositiva “Braços cativos no espaço urbano e rural de Corumbá”, que retrata a história do Negro na região pantaneira, desde a ocupação humana, há 2.500 anos, até 1.888, ano da assinatura da Lei Áurea que aboliu a escravidão no Brasil.

A abertura da sala foi uma iniciativa da Fundação Barbosa Rodrigues, gestora do MUHPAN, e contou com patrocínio da Caixa Econômica Federal. Segundo Maria Verônica Sáfadi Nogueira, que representou o presidente de honra da Fundação, Antônio João Hugo Rodrigues, o projeto surgiu a partir de 2016, quando a Caixa publicou edital relativo ao Programa Caixa de Apoio ao Patrimônio Cultural Brasileiro – 2017/2018.

O projeto proposto pela Fundação e aprovado pela Caixa, foi justamente o da criação de uma nova sala expositiva na sede do MUHPAN, retratando a população negra na região do Pantanal, como parte do projeto Adequação Expográfica do Museu de História do Pantanal.

A exposição mescla o didático e o artístico sobre a riqueza da população negra em solo pantaneiro, até então desconhecida da própria comunidade local. Verônica destacou o trabalho desenvolvido pela professora do Campus Pantanal da UFMS, doutora em História Elaine de Almeida Cancian, que realizou uma intensa pesquisa sobre a população negra na região, na abordagem do tema “Escravidão do africano e afrodescendentes nas fazendas e espaços urbanos de Corumbá”.

Câmara presente

A pesquisa foi intensa na região e até mesmo em Cuiabá. Em Corumbá, a professora buscou informações também no acervo da Câmara Municipal de Vereadores que conta com documentos importantes que registra a história de Corumbá.

Na inauguração da sala expositiva, o vereador e presidente da Câmara, Evander Vendramini, elogiou a iniciativa da Fundação Barbosa Rodrigues e colocou o acervo da Câmara à disposição, citando ainda que o trabalho de catalogação foi iniciado em 2011, com apoio da UFMS – Campus Pantanal. Para ele, a sala retrata a presença da população negra na região, participando efetivamente da história e da cultura corumbaense.

O gerente regional da Caixa, Jorge Luiz Ribeiro Junior, representou a superintendência do MS, e enalteceu o trabalho desenvolvido em Corumbá, lembrando que a Caixa foi fundada em 1.861, justamente “para receber depósitos dos escravos, que guardam seu dinheiro para conseguir a carta de alforria”, acentuando que, agora, a instituição trabalha para que essa história continue viva.

A solenidade contou com as presenças de inúmeras autoridades e representes de organismos sociais da maior cidade pantaneira, como o diretor-presidente da Fundação de Cultura e Patrimônio Histórico de Corumbá, Joilson Silva da Cruz; vereador Manoel Rodrigues; Ednir de Paulo, presidente do Instituto da Mulher Negra do Pantanal (Imnegra); além de poetas e escritores, como Benedito C. G. Lima, entre outros.

“Este é um momento de extrema importância para todos nós. Representa o resgate da nossa história”, resumiu Ednir de Paulo. Benedito C.G. Lima também elogiou a iniciativa, afirmando que “faltava em Corumbá, um espaço como este”.

Após a solenidade no auditório do MUHPAN, os presentes visitaram a sala expositiva composta por 14 painéis divididos em cinco tópicos: África, Travessia e Comércio, Trabalho, Castigo e Liberdade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
181 é ferramenta para denuncia anônima em Mato Grosso do Sul
EDUCAÇÃO
Reforma de escolas municipais é solicitada por vereador durante sessão da Câmara
ESPORTE
Vereador sugere transformar o Marina Gattass em espaço para esportes radicais
LÍNGUA DE SINAIS
Projeto de Lei obriga instituições a disponibilizar intérpretes de Libras na cidade
ECONOMIA
Caixa paga auxílio emergencial a nascidos em agosto
COVID-19
Polícia investiga empresa por fraude em oferta de vacina
CIDADE
Prefeito decreta luto oficial de três dias pelo falecimento de Dom Martinez
POLICIAL
PM de Corumbá prende foragido da justiça e apreende arma branca
POLICIAL
Homem é preso por porte de drogas no bairro Popular Nova
TEMPO
Massa de ar frio pode mudar o clima em Mato Grosso do Sul nos próximos dias

Mais Lidas

POLÍTICA
Câmara aprova projeto de lei que torna escolas serviços essenciais
MUDANÇAS NO CTB
Nova Lei abranda infração para motociclistas sem viseira ou óculos de proteção
GERAL
Vereador solicita recuperação da 21 de Setembro, após intervenções da Sanesul
SEGURANÇA
Tiradentes: no dia do patrono das polícias, Governo destaca investimentos na segurança