Menu
domingo, 24 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

MS teve saldo positivo de empregos em nove dos últimos 12 meses

01 maio 2021 - 10h58Portal do Governo de MS

Apesar da pandemia do coronavírus, Mato Grosso do Sul apresentou saldo positivo de empregos em nove dos últimos 12 meses, sendo que em março de 2021 obteve o terceiro melhor desempenho neste período. Isto mostra a evolução do Estado neste setor, com manutenção dos investimentos, equilíbrio e fomento à economia

Mato Grosso do Sul teve em março o saldo positivo de 5.152 empregos, o que é 66 vezes maior que o levantamento feito no mesmo período de 2020, que teve saldo de apenas 78 vagas de trabalho.  O saldo é a diferença das contratações e demissões ao longo do mês.  No caso de março deste ano foram de 23.867 novos empregos e 18.715 desligamentos de funcionários do mercado de trabalho.

Segundo os dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), Mato Grosso do Sul segue em expansão e com bons números na geração de empregos em 2021, com saldo positivo de 3.483 vagas em janeiro, 7.054 em fevereiro e 5.152 no mês de março, que coloca o Estado na primeira colocação nacional em termos percentuais (0,95%) no crescimento de empregos em relação ao estoque do mês anterior.

Na avaliação em relação ao ano anterior, em março de 2020 o saldo positivo foi de 78 vagas de trabalho, depois ficou em negativo de 6.992 em abril, subiu em maio e voltou para o saldo positivo de 1.433 no mês de junho. A evolução continuou em julho com 2.635, seguindo com 2.612 em julho.

No mês de setembro o saldo positivo de empregos chegou a 3.049, alcançando o patamar de 4.654 em outubro e 5.602 em novembro. Depois houve uma queda repentina para -1.933 em dezembro, mas a recuperação voltou em 2021, com 3.483 (janeiro), 7.054 (fevereiro) e 5.152 (março).

“A política de desenvolvimento econômico adotada pelo Governo do Estado tem mantido Mato Grosso do Sul em 2021 nos melhores rankings na geração de emprego a nível de Brasil”, afirmou Marcos Derzi, diretor-presidente da Funtrab (Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul).

Ele ressaltou que os números refletem o incentivo à modernização na atividade econômica do Estado. “Com o uso da tecnologia para aumento da produtividade agropecuária, abertura de novas indústrias e os incentivos feitos pelo Governo, que gerou este cenário positivo, obtendo credibilidade para a vinda de novos investimentos no Estado e consequentemente, o crescimento dos empregos”, descreveu.

 

Foram registrados mais 33 óbitos de pacientes que residiam em 16 municípios do Estado. Os óbitos foram registrados em: Campo Grande (+10), Três Lagoas (+5), Dourados (+4) e São Gabriel do Oeste registrou (+2). Entre os municípios que tiveram um óbito cada estão: Água Clara, Anastácio, Anaurilândia, Angélica, Corumbá, Coxim, Guia Lopes da Laguna, Ivinhema, Jardim, Naviraí, Ribas do Rio Pardo e Rio Brilhante.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Flagrante
Dois turistas são multados em R$ 1,8 mil por pesca predatória no rio Miranda
Alerta
Últimos dias para inscrições em editais da Funarte
Imunização
Quem pode se vacinar contra Covid neste fim de semana
1 hora a menos
Agepan defende o retorno do horário de verão para economia de energia em MS
74 vagas
Concurso público da Sanesul recebe inscrições até 11 de novembro
Boletim Epidemiológico
MS volta a registrar mortes por Covid-19
Orientação
O que fazer para prevenir problemas durante e após temporais
CNH MS Social
Programa de habilitação gratuita já tramita na Assembleia Legislativa
Tempo
Chuva ganha força a partir deste sábado e pode trazer nova tempestade para MS
Precaução
Tradicional Procissão Fluvial é cancelada devido previsão de mal tempo

Mais Lidas

Causa não definida
Motorista de ônibus fretado com 42 passageiros perde o controle e colide na mureta da ponte
Dom Bosco
Homem baleado pede socorro em escola, mas não resiste e morre
Desdobramento
Embarcação que naufragou e fez sete vítimas no rio Paraguai não era de transporte turístico
Boletim Epidemiológico
MS volta a registrar mortes por Covid-19