Menu
domingo, 17 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

MS quebra mais um recorde na pandemia: 60 mortos em 24h

25 março 2021 - 16h22Portal do Governo de MS

A pandemia de covid-19 vem se agravando em Mato Grosso do Sul. Nesta quinta-feira (25), o estado bateu mais um recorde negativo: 60 óbitos registados no boletim epidemiológico da doenças (confira).

O agravamento da situação fez com que o Governo do Estado editasse um novo decreto com medidas restritivas (veja aqui). A tentativa é desafogar os sistemas de saúde e diminuir a taxa de contágio do vírus.

Com 1.256 novos casos confirmados da doença entre ontem e hoje, MS também contabiliza recorde nas internações: 1.118 pessoas ocupam leitos clínicos e de UTI nos hospitais públicos e privados. E não há vagas para mais internações. Por isso, 180 pacientes estão na fila de espera.

Em live nas redes sociais, os secretários Sérgio Murilo (Governo e Gestão Estratégica), Geraldo Resende (Saúde) e Crhistinne Maymone (adjunta da Saúde) deram um panorama da pandemia no Estado e explicaram os porquês de o Governo ter adotado medidas mais restritivas.

“Essa doença deixou todo mundo de joelhos. Estamos tentando nos levantar e minimizar todos prejuízos, tanto na perda de vidas quanto na parte econômica”, falou Sérgio Murilo.

“Estamos no limite da exaustão. Esse dilema de fechar ou abrir comércio é secundário. O que precisamos é não fechar caixões e abrir túmulos em Mato Grosso do Sul”, defendeu Geraldo Resende.

“Estamos colapsados. Tivemos que ir para as últimas medidas que efetivamente podem nos ajudar a salvar vidas. Essas medidas são a vacinação e o isolamento social. O mundo inteiro fala isso. Só não vê e não escuta quem não quer salvar vidas”, completou Crhistinne Maymone sobre o novo decreto.

Veja aqui a live onde os secretários tiram dúvidas sobre o decreto estadual que impõe medidas mais restritivas em Mato Grosso do Sul: https://www.facebook.com/GovernodeMatoGrossodoSul/videos/477183636798419/

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Inédito
Tempestade de areia: Energisa recebeu 4 mil chamados em Campo Grande
Dia Mundial da Alimentação
Em MS, 69% da população está com excesso de peso e 36% com obesidade
Ensino Superior
UEMS investe mais de R$ 13 milhões em bolsas e auxílios para estudantes
Transporte
Expresso Queiroz tem autorização suspensa por incapacidade de atender passageiro
Defesa Civil
Tempestade de poeira e vendaval causaram estragos em pelo menos sete nos municípios
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá
Previsão Meteorológica
Tempo continua fechado com chance de mais chuva para grande parte do Estado
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas

Mais Lidas

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá