Menu
quinta, 17 de junho de 2021
Andorinha - Maio
Andorinha - Maio
Geral

MP arquiva várias investigações contra políticos e suspeitas de improbidades em Corumbá e na Capital

05 julho 2017 - 08h55Sylma Lima

Foi publicado na data de quarta-feira ( 05) no Diário Oficial do Ministério Público Estadual uma lista com 55 investigações que foram arquivadas pelo Conselho Superior do Ministério Público de Mato Grosso do Sul, que é o órgão máximo do MPE que decide se os casos investigados terão andamento via processo judicial ou são arquivados.

A publicação veio assinada pelo Procurador de Justiça Helton Fonseca Bernardes, que é Secretário do Conselho Superior do MP.

Dentre as investigações arquivadas constam apuração contra o deputado estadual Paulo Siufi, o ex-prefeito de Campo Grande Alcides Bernal, Guarda Municipal de Campo Grande e até o Corumbaense Futebol Clube, além de investigações de diversos assuntos como suspeita de fraude em concurso público, dano ambiental, dentre outros casos de vária comarcas do Estado.

O interessado no caso poderá recorrer no prazo de 10 dias, podendo apresentar as razões por escrito e documentos.

Alguns casos arquivados:

Procedimento Preparatório nº 06.2016.00001423-4 - 29ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social da comarca de Campo Grande - Requerente: Denúncia anônima - Requeridos: Alcides de Jesus Peralta Bernal e Wilton Edgar Sá e Silva Costa - Assunto: Apurar eventual utilização de servidores públicos municipais para o exercício de atividades político-partidárias em horário regular de expediente.

Procedimento Preparatório nº 06.2017.00000476- 2 - 30ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social da comarca de Campo Grande - Requerente: Denúncia anônima - Requerido: Dácio Correa Piedade - Assunto: Visando apurar eventual ato de improbidade administrativa praticado por Dácio Corrêa Piedade pelo descumprimento de jornada de trabalho por parte do servidor comissionado.

Inquérito Civil nº 06.2015.00000181-3 - 30ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social da comarca de Campo Grande - Requerente: Ministério Público Estadual - Requerido: Município de Campo Grande - Assunto: Apurar possíveis irregularidades na concessão de alvarás para exploração do serviço de táxi no município de Campo Grande.

Inquérito Civil nº 06.2015.00000173-5 - 30ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social da comarca de Campo Grande - Requerente: Ministério Público Estadual - Requerido: Paulo Siufi Neto - Assunto: Apurar eventuais atos de improbidade praticados pelo vereador Paulo Siufi e sua assessora, ao coagirem o senhor Elzio Moreira da Silva a ceder espaço da sede da associação de bairro, a fim de que o vereador realizasse triagem de pessoas para serem atendidas pelo SUS, o que o denunciante não aceitou, por não concordar com a forma que o vereador supostamente passa pessoas na frente de outras na fila do SUS.

Inquérito Civil nº 35/2015 - 30ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social da comarca de Campo Grande - Requerente: Ministério Público Estadual - Requerida: Guarda Municipal de Campo Grande - Assunto: Apurar eventual irregularidade que a Guarda Municipal de Campo Grande estaria cometendo ao confrontar a Lei nº 13.022/2014, posto que foi realizado treinamento para os guardas municipais no Centro de Formação da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul e vários guardas utilizam designações que ostentam insígnias de cursos exclusivamente militares, além de fardamento idêntico ao da Polícia Militar.

Corumbá

Procedimento Preparatório nº 13/2017 - 5ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social da comarca de Corumbá - Requerente: Eliton Rudinei Alves - Requeridos: Município de Corumbá e o Corumbaense Futebol Clube - Assunto: Apurar a legalidade do patrocínio do time de futebol Corumbaense Futebol Clube, pelo município de Corumbá.

Inquérito Civil nº 48/2016 - 5ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social da comarca de Corumbá - Requerente: Ministério Público Estadual - Requerida: Guarda Municipal de Corumbá - Assunto: Apurar eventual violação aos princípios da impessoalidade e moralidade pela Guarda Municipal de Corumbá, quando da designação de José Marcio Bandeira, que também concorria à ascensão funcional na carreira daquela instituição, para presidir a Comissão de Avaliação de Desempenho e Movimentação na respectiva Carreira.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Autor de atropelamento na Rio Branco é comissionado da Prefeitura de Corumbá
SAÚDE
Corumbá leva vacina contra a Covid-19 para a região do Taquari
POLICIAL
PMA apreende 1.289 kg de droga com adolescente paraguaio
TURISMO
Turismo de MS participa de webinar nesta quarta-feira e se aproxima do mercado irlandês
PROTESTO
Ciclistas fazem protesto após morte de empresária na Rio Branco
ECONOMIA
Trabalhadores nascidos em novembro podem sacar auxílio emergencial
SAÚDE
Anvisa autoriza importação excepcional da vacina Sputnik V
CIDADE
Prefeitura de Corumbá determina abertura de comércio
CORONAVÍRUS
Com 25 mil casos em 15 dias, junho pode bater recorde de infectados por covid em MS
GERAL
Homem sofre queda de telhado e fica ferido

Mais Lidas

GERAL
Autor de atropelamento na Rio Branco é comissionado da Prefeitura de Corumbá
POLICIAL
Mulher é presa por descumprimento de medida protetiva
POLICIAL
Homem é preso por violência doméstica no Parque do Mangueiral em Ladário
GERAL
Homem é esfaqueado pelo filho no Sassida