Menu
sexta, 07 de maio de 2021
Governo - O Estado que cresce - Maio
Geral

Mototaxistas protestam por fiscalização contra os irregulares e recebem apoio da Câmara de Vereadores

21 fevereiro 2017 - 08h48Gesiane Medeiros
Mototaxistas protestaram durante sessão da Câmara dos Vereadores na noite de ontem (20). Foto: CDP

Profissionais mototaxistas legalizados se organizaram em protesto pacífico durante sessão da Câmara Municipal dos Vereadores na noite desta segunda-feira (20), eles pedem atenção do poder legislativo para que possam trabalhar com segurança e sem a concorrência desleal dos clandestinos.

Na ocasião, receberam apoio do vereador Dr. Domingos Alvaneze que apresentou duas indicações em defesa dos mototaxistas, a primeira solicita uma fiscalização permanente do bom funcionamento do serviço desempenhado pelos profissionais legalizados, de modo a impedir a atuação dos irregulares e pede atenção para as vagas disponíveis sobressalentes no último concurso realizado, onde das 260 vagas disponíveis apenas 34 foram preenchidas; a segunda indica que a prefeitura libere de imediato os alvarás dos 34 aprovados no último concurso, de modo que aumente o número de profissionais regulares nas ruas. “Precisamos além de proteger e apoiar quem já é legalizado, dar a oportunidade para quem não cumpre as exigências da categoria de se adequar e trabalhar dentro da lei”, disse vereador Dr. Domingos.

As duas indicações serão transformadas em requerimentos e novamente apresentadas e defendidas verbalmente em nova sessão marcada para esta terça-feira (21), desta forma os pedidos ganham mais peso e destaque perante o protesto dos profissionais que sofrem pela falta de fiscalização sobre os irregulares.

Em contato com os representantes da classe, eles afirmaram que já acionaram advogada para entrar com ação judicial em desfavor a funcionário da Agência Municipal de Trânsito (Agetrat), que segundo eles, afirmou durante entrevista a TV que pelo menos 50% dos mototaxistas são clandestinos, a categoria defende que o percentual é muito menor. Os representantes apontam que o órgão municipal termina por incentivar a irregularidade quando diz na mesma entrevista, que os agentes não têm como provar que uma pessoa está praticando corrida irregular remunerada.

Protesto da última quinta (16) na BR 262 foi impedido pela PRF. Foto: Sylma Lima

Protesto impedido

Na última quinta-feira, 16 de fevereiro, dezenas de moto taxistas realizaram protesto em frente a rodoviária municipal na Rua Porto Carreiro e em seguida foram para a rodovia BR 262, em frente ao Posto Fiscal Lampião Acesso. O fechamento da via como reivindicação de direitos estava agendado e foi informado a Policia Militar, Agetrat, PRF e Corpo de Bombeiros através de oficio, porém eles foram impedidos pela PRF de realizar ação.

Encargos

Carlos Silva, representante da categoria, disse ao Capital do Pantanal que a questão nem é o preço praticado por um ou pelo outro, mas a injustiça com os autorizados que são obrigados a pagar impostos, sindicato e previdência privada, “ eles não pagam impostos nenhum e lucram. Quando nós pagamos ate seguro de vida nosso e do passageiro”.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
MS recebe 50,5 mil doses da Astrazeneca do Ministério da Saúde
GERAL
PMA de Corumbá recebe doação de viatura da Vale para uso na fiscalização no Pantanal
SAÚDE
Prefeitura leva atendimento médico de rotina para o Porto Esperança
POLICIAL
Jovem é preso com 483 unidades de maconha no Cristo Redentor
POLICIAL
PMA apreende mais três tigres d'água em chácara
COVID-19
Vereador reforça necessidade de imunizar trabalhadores do CAC contra a Covid
ECONOMIA
Trabalhadores nascidos em maio podem sacar auxílio emergencial
POLICIAL
PRF apreende mais de 1,5 tonelada de maconha em MS
CIDADE
Vereador solicita informações sobre estágio de projeto de reforma do antigo mercadão
SEMANA NACIONAL DAS COMUNICAÇÕES
Wi-Fi Brasil leva internet a mais de 13 mil pontos remotos do país

Mais Lidas

POLICIAL
Jovem é preso com 483 unidades de maconha no Cristo Redentor
OPERAÇÃO PF
PF deflagra Operação Grão Branco de combate ao tráfico internacional de drogas
TRÁFICO DE DROGAS
PRF apreende 494 Kg de maconha e 7 Kg de skunk na BR-262
GERAL
PMA de Corumbá recebe doação de viatura da Vale para uso na fiscalização no Pantanal