Menu
quarta, 27 de janeiro de 2021
Senar MS
Andorinha Fevereiro
Geral

Moradores atingidos tentam retomar rotina após maior cheia dos últimos 50 anos

22 fevereiro 2018 - 13h19Midiamax

O rio Aquidauana começa a baixar o nível das águas e os moradores tentam voltar à rotina nesta quinta-feira (22). A cheia causou estragos no município de Aquidauana, a 143 km de Campo Grande, e o rio atingiu o segundo maior nível dos últimos 50 anos.

A moradora Keila Arakaki tenta a retomar a rotina em seu restaurante agora que o nível do rio começa a baixar. Mesmo com o piso mais elevado do que os vizinhos, o local alagou após a cheia. Keila e os funcionários do restaurante tentam reorganizar o local, eles levantaram os móveis, limparam e desinfetaram tudo. Durante a faxina, até pequenos animais foram encontrados. “Tem muita gente ligando, perguntando se vou fazer marmita hoje, mas ainda estamos limpando. O engraçado é que quando abri hoje de manhã, tinha uns peixinhos e tirei muito sapo também”, conta.

A enchente na cidade ficou famosa e até foi motivo para selfies. A aposentada Ramona Lima lamenta por não ter vindo antes registrar a histórica cheia e conta que só tinha ouvido falar de algo parecido nos anos 1990. A aposentada veio visitar a mãe e conta que a chegada não foi fácil, com dois pontos da rodovia que dá acesso à cidade interditados, teve que aguardar na estrada antes do reencontro. “Ainda bem que estou aqui, meus filhos ficaram apavorados com esta chuva. Graças a deus [o alagamento] não atingiu onde minha mãe mora. Infelizmente, o jeito é dormir com um olho aberto e o outro fechado”, afirma.

As pontes que unem as cidades de Aquidauana e Anastácio foram liberadas nesta manhã. Diferente da quarta-feira (21), a espera na ponte para os pedestres também acabou. Os moradores usam colete salva-vidas para atravessar a passarela e recebem apoio dos militares.

Segundo a Defesa Civil, até esta manhã são 153 pessoas distribuídas em cerca de 50 famílias abrigadas nos três abrigos da Prefeitura. O leito do rio, que ultrapassou os 10 m nos últimos dias, chegou a 9,33 m nesta manhã. O governador do Estado Reinaldo Azambuja deve visitar um dos abrigos nesta quinta-feira.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRANSPORTE ILEGAL
ANTT emite nota a pedido do MPF e diz que operação da Buser é ilegal e passível de penalização
PROMOÇÃO DE PASSAGENS
Andorinha disponibiliza passagens promocionais a R$59,90
ASSISTÊNCIA SOCIAL
Povo das Águas atende ribeirinhos da região do Taquari a partir do dia 30
CONSUMIDOR
Anatel divulga balanço de reclamações em 2020
EDUCAÇÃO
IFMS divulga lista de inscritos para cursos de idiomas em andamento
Candidatos com a inscrição homologada deverão fazer testes de nivelamento de Espanhol, Inglês e Libras. Provas online serão aplicadas entre 1º e 9 de fevereiro
COVID-19
Mato Grosso do Sul registra 582 novos casos de Covid e 9 óbitos
COVID-19
Mais de 1200 pessoas já foram vacinadas contra a Covid-19 em Corumbá
CULTURA
Prefeitura disponibiliza, na quinta-feira, espetáculo "Conectados" na internet
GERAL
MS participa da 3ª edição de maratona mundial de criação de games
ECONOMIA
Nascidos em dezembro podem sacar auxílio emergencial a partir de hoje

Mais Lidas

DENÚNCIA
Funcionários demitidos do hospital não recebem rescisão trabalhista
ECONOMIA
Governo federal aprova auxílio emergencial para 196 mil pessoas
CHUVA FORTE
Temporal em Corumbá causa queda de árvores e alagamentos
MORTE POR COVID-19
Cinco dias após morte do marido, ex-primeira-dama de Dourados não resiste à Covid-19