Menu
segunda, 15 de julho de 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Geral

Ministérios firmam plano para promover turismo de pesca

25 junho 2016 - 08h37Portal Brasil

Plano de ação interministerial para fortalecer a relação entre as atividades de pesca e aquicultura e o turismo foi concluído, nesta semana, pelo comitê formado pelo Ministério do Turismo, Ministério do Esporte e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

O objetivo do plano, que tem duração de um ano, é identificar, ordenar e promover o desenvolvimento do setor a partir da consolidação entre as duas atividades.

Ao Ministério do Turismo, caberá estimular e promover o segmento de turismo de pesca e a gastronomia dos destinos relacionados, além de identificar e propor estratégias para a estruturação desses roteiros, aprimorar seus conhecimentos sobre o perfil do turista doméstico e internacional, além de participar, divulgar ou realizar eventos sobre o turismo de pesca.

“Essa iniciativa vai incentivar e fortalecer a relação entre as atividades de pesca e aquicultura e o turismo no Brasil, promovendo a valorização dos produtos aquícolas e pesqueiros e o fomento ao consumo do pescado brasileiro”, disse Brenno de Paula, coordenador do comitê pelo Ministério do Turismo.

Turismo de pesca

No Brasil, para a prática de pesca, são mais de 8 mil km de faixa litorânea e mais de 12% de toda a água doce do mundo. Uma pesquisa realizada, durante o primeiro Torneio Nacional de Pesca Esportiva em Niquelândia (GO), em 2013, mostrou que os participantes gastam em média R$ 4,5 mil por evento e permanecem cerca de quatro dias fora de casa.

Para hospedar-se, 45% procuram pousadas no local do evento. Mais de 90% dos pescadores são do sexo masculino. Os gastos desses pescadores distribuem-se da seguinte forma: 27% com alimentação, 27% com combustível da embarcação, 21% com combustível rodoviário, 18% com estadia hospedagem e 4% com transporte aéreo.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Aumento de Temperatura
Ecoa analisa recuo do fogo no Pantanal e alerta para risco de novos incêndios nos próximos dias
Madrugada
Morador de rua morre em noite com frio de -4ºC em bairro da Capital
Na Capital
MS abre Paralimpíadas Escolares com foco na inclusão e no poder do esporte em transformar vidas
Virtual
Iphan realiza oficina de divulgação do Prêmio Rodrigo no Mato Grosso do Sul
Operação Pantanal II
Forças Armadas montam base avançada para acolher 100 brigadistas no Pantanal de MT
Conscientização
Dia Mundial do TDAH: especialista fala sobre sintomas, diagnóstico e tratamento
Destaque
Senac MS recebe selo 'melhores empresas para se trabalhar' pela segunda vez
Aposta
Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado em R$ 15 milhões
Meio Ambiente
Biólogos tentam salvar fauna ameaçada pelo fogo no Pantanal
Plantão
Bombeiros combatem incêndios em terrenos baldios de Corumbá e Ladário

Mais Lidas

Madrugada
Morador de rua morre em noite com frio de -4ºC em bairro da Capital
Tempo
Sábado amanhece nublado e com termômetros marcando mínima de 10°C em Corumbá
Corumbá tem máxima de 18°C
Aumento de Temperatura
Ecoa analisa recuo do fogo no Pantanal e alerta para risco de novos incêndios nos próximos dias
Operação Pantanal II
Forças Armadas montam base avançada para acolher 100 brigadistas no Pantanal de MT