Menu
terça, 23 de julho de 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Geral

Mesmo com pacto racial, empresas têm 6% de diretores negros

18 novembro 2020 - 17h30Agencia Brasil

A participação de negros em cargos de diretoria e nos conselhos de administração é de apenas 6,6%, segundo o Índice de Igualdade Racial nas Empresas (IIRE). O índice avaliou as medidas em prol da igualdade racial em 23 empresas que firmaram um compromisso de se engajar no tema.

 

São companhias de diversos setores, como telefonia, hipermercados, fabricação de peças elétricas, consultoria, petrolífero, bebidas e bancário. O indicador é elaborado em parceria com a Faculdade Zumbi dos Palmares.

 

A presença de pessoas negras nessas empresas aumenta percentualmente em cargos de menor responsabilidade. Nas gerências, o percentual sobre para 18,7% e chega a 31,6% entre os trainees e aprendizes.

 

Engajamento

As empresas têm buscado formas de reduzir essa desigualdade. Entre as 23 participantes, 19 afirmaram ter comitês específicos para debater a diversidade racial no ambiente corporativo. Em 16 companhias são organizados periodicamente eventos para discutir o tema e 9 possuem projetos de treinamento e formação permanentes a respeito dessa pauta.

 

A respeito das dificuldades para implementar ações de conscientização sobre a questão racial, as empresas afirmaram ter dificuldade em engajar os trabalhadores nas discussões. Porém, as experiências mostram que quando as lideranças (diretorias) se envolvem pessoalmente nos processos, a adesão tende a ser maior.

 

Seleção e ascensão

A maior parte das empresas (15) disse ter processos de seleção flexíveis com o objetivo de aumentar a diversidade racial em seus quadros. No entanto, a maior parte das empresas ainda não contratou profissionais por iniciativas ou canais específicos que buscam facilitar a entrada de pessoas negras no mercado de trabalho. Em 40% dos casos, as companhias justificaram essa postura pela falta de qualificação dos candidatos.

 

Entre as 23 empresas participantes, 6 disseram ter programas com metas voltados para garantir a ascensão de pessoas negras na hierarquia da companhia. Parte (40%) das empresas que não tem esse tipo planejamento estruturado afirmou que uma das principais dificuldades é justamente estabelecer os objetivos quantitativos e qualitativos desses processos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Agenda Cultural
Programa Cine Andante divulga programação de agosto em Corumbá
Cidadania
Encerra em 31 de julho inscrições de oficinas e qualificação para crianças e jovens em Corumbá
Garantia de Recursos
Fiscalização da PF contra incêndios no Pantanal seguirá até o fim deste ano
Futebol
Técnico destaca classificação do Costa Rica no 'grupo da morte'
Oportunidade
IFMS abre 150 vagas de graduação para portadores de diploma, reingressos e transferências
Até sexta-feira
Inscrições para o Prouni abrem nesta terça-feira
No centro
Perícia encontra seringa e medicamentos no apartamento de mulher encontrada morta
Neste domingo
Ritmista da Nova Corumbá morre em colisão com carro
Até 26 de julho
Escola Sesi abre processo seletivo com 104 vagas de gratuidade na educação básica
VEM 2024
Festival de música católica tem dois sul-mato-grossenses entre os classificados

Mais Lidas

Time de Miranda
20ª edição do Amistoso da Diversidade reúne grande público no Poliesportivo
Consequência
Fumaça volta a encobrir área urbana de Corumbá
Oportunidade
Funtrab oferece mais de 4,8 mil vagas de emprego em Mato Grosso do Sul
Plantão
Bombeiros registram oito incêndios urbanos nas últimas 24 horas