Menu
domingo, 09 de maio de 2021
Andorinha - Maio
Geral

Marun defende indulto natalino e critica prisão de Puccinelli

01 dezembro 2018 - 08h07Correio do Estado

O ministro-chefe da Secretaria de Governo, Carlos Marun, disse na sexta-feira (30) não pretender mais voltar a atuar no MDB. Ele considerou o ex-governador André Puccinelli (MDB) vítima de prisão ilegal, sem provas, e defendeu o indulto natalino para os condenados por crimes não violentos.

Marun afirmou que não pensa em voltar para a política. “Quero resistir à política, tomara que eu consiga”, declarou.

O ministro tem repetido isso desde antes das eleições. Ele não se candidatou a nenhum cargo, muito menos tentou disputar novamente como deputado federal.

Na sexta-feira, Marun afirmou que deseja voltar a advogar a partir de março. “No MDB, não pretendo assumir funções executivas mais fortes, nem em Mato Grosso do Sul  nem no Brasil”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLICIAL
Pedestre é atropelado por caminhonete, arremessado e corpo encontrado 1h depois em matagal
Várias testemunhas procuraram corpo por cerca de uma hora
SAÚDE
Cruz Vermelha Internacional completa hoje 158 anos
POLICIAL
Idoso de 86 anos morre após ser atropelado e arrastado em Campo Grande
INTERNACIONAL
Pfizer deve produzir 4 bilhões de doses de vacina contra covid em 2022
GERAL
Sábado é o último dia para matrícula para aprovados da UEMS da 4ª convocação
POLICIAL
Polícia Militar Ambiental resgata tucano atropelado em rodovia
SAÚDE
Centro de Atendimento à Covid-19 está funcionando em novo endereço
GERAL
Procon divulga pesquisa de preços com opções de presentes para o Dia das Mães
GERAL
Pequenos negócios são responsáveis por quase 70% dos empregos gerados em março em MS
GERAL
Senac Corumbá oferece opções de cursos nas áreas de beleza e saúde

Mais Lidas

GERAL
Senac Corumbá oferece opções de cursos nas áreas de beleza e saúde
POLICIAL
Pedestre é atropelado por caminhonete, arremessado e corpo encontrado 1h depois em matagal
POLICIAL
Idoso de 86 anos morre após ser atropelado e arrastado em Campo Grande
CIÊNCIA E TECNOLOGIA
Pesquisadores do Estado desenvolvem gel cicatrizante à base de planta nativa