Menu
quarta, 22 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Marum sobe no palanque com Azambuja e diz que ainda não é hora de eleição

26 junho 2018 - 11h13Sylma Lima

O Ministro Carlos Marum em entrevista ao Capital do Pantanal na manhã desta segunda-feira,25, durante entrega de apartamentos do programa ‘Minha casa minha vida’, do governo federal. Marum disse que tem acompanhados as pesquisas de intenções de votos em MS, e que seu compromisso como ministro é presenciar solenidades cujas obras são realizadas com recursos federais independente de quem seja o governador.

“ A primeira avaliação que eu faço é que existe um momento de disputa de eleição e existe o momento de governar, então muitas vezes o Marun e o Reinaldo estão inaugurando juntos em um empreendimento como esse porque governo não faz oposição a governo. Inicialmente, o Governo Municipal na época de Paulo Duarte que deu inicio a esse trabalho, com participação também do governo do estado, construímos esse empreendimento e é natural que juntos viemos entrega-lo à população e assim mantenham diversas parcerias com o Governo do Estado porque tem essa visão de que as nossas disputas políticas que são republicanas, que são reais, que digamos que são ate arrazoadas, elas não podem atrapalhar a população” .

Quanto ao seu candidato do MDB André Puccinelli ele disse que, “ um momento chega a eleição, obviamente não é novidade pra ninguém que estaremos separados, pelo MDB tudo indica que vai ser André Puccinelli, e  lá nós vamos tratar de eleição. Realmente, o processo politico está se modificando, está se modernizando, nos teremos dessa vez uma eleição diferente de todas as outras e existe ate uma criminalização da classe politica como um todo, isso não leva a nada. O Brasil ainda vai pagar muito caro por essa criminalização absoluta que se faz à classe politica, isso fere a democracia. Nós temos que separar o joio do trigo, temos que afastar o mau político, nós temos que valorizar o bom politico e isso infelizmente pouca gente entende, mas vamos em frente e na hora da eleição vamos a luta”  Questionado sobre as pesquisas ele disse que, “ eu não desacredito, mas a pesquisa que vale é na urna e nos vamos obviamente daqui alguns dias nos envolver numa disputa eleitoral e isso faz parte da democracia” .

Deixe seu Comentário

Leia Também

Serviço
Sesc inaugura nova unidade em Corumbá
Arma Apreendida
Polícia prende autor após perseguição e troca de tiros no Cristo Redentor
Em Campo Grande
MDB filia novos membros para juventude do partido
Luto
Armando Anache morre aos 91 anos no Rio de Janeiro
Campanha
Corumbaense pode descartar medicamentos em drive thru nesta quinta (23)
Em Corumbá
Abertas as inscrições para o Festival Internacional de Pesca Esportiva
"Dark Money"
Operação cumpre mandados contra esquema que desviou mais de 23 milhões dos cofres de Maracaju
Só piora
Cinco incêndios urbanos foram registrados nas últimas 24 horas
Fazendo xixi
Mulher cai em ribanceira de 10 metros na Avenida General Rondon
Vento Forte
Figueira cai sobre residência e danifica rede elétrica no Loteamento Pantanal

Mais Lidas

Naviraí
Casal preso por tráfico de aves silvestres recebe multa de R$ 2,5 milhões da PMA
243 anos
Corumbá celebra aniversário com retomada de desenvolvimento
21 de setembro
Incêndios continuam e Corumbá não tem motivo para celebrar o dia da árvore
Tempo
Inverno se despede com temperaturas acima dos 40°C e umidade do ar em níveis críticos